A escritora e professora, Lúcia Regina, lança o livro “Um caminho entre estrelas e jardins”

Com a palavra, a escritora Lúcia Regina

>> Link do lançamento virtual, às 20h, pelo Google Meet: https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe

>> Leia trechos do livro: CLIQUE AQUI

>> Os exemplares estão à venda no seguinte local:

– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.

Nesta sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet, a  escritora e professora, Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte).  Link da reunião: https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe  A obra está sendo vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853).

“Quase todas as crônicas e contos de fatos reais ou imaginários refletem a sua preocupação em falar ao mundo sobre o que pensa a respeito do Amor real, visto que suprir o vazio não preenchido não é amor. Amar é também cuidar do outro. É aplaudir as alegrias e vitórias do outro ser”, afirma, na apresentação do livro, a poeta, jornalista e pesquisadora, Lourdes Sarmento, membro da Academia  Pernambucana de Letras.

LÚCIA REGINA Malaquias da Silva é recifense,  professora, licenciada em Língua Portuguesa e Língua Inglesa, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), exercendo o magistério na Rede Municipal de Jaboatão dos Guararapes e do Recife onde leciona Inglês, Português e Literatura. “Dentre as múltiplas faces das narrativas, estão os contos de ficção, as parábolas, os apólogos e as crônicas e outros gêneros. Reunindo essas possibilidades, venho falar, de coração para coração, sobre como foi tecido o conteúdo deste livro”, destaca a autora da obra, Lúcia Regina.

Ao longo da carreira de magistério, Lúcia buscou apropriar-se da Língua Estrangeira obtendo Título de Proficiência em Língua Inglesa, Cambridge Certificate in English, e Especialização em Linguística Aplicada à Língua Inglesa e Linguística Aplicada à Língua Portuguesa, na Universidade Federal de Pernambuco. A paixão por literatura tem fundamentado suas atividades didáticas  e, consequentemente, tem impulsionado a realização de  algumas produções literárias.        Com olhos e ouvidos atentos ao diálogo, percebe que sempre há algo importante para ser registrado e começa a tecer narrativas inspiradoras e constituídas por contos e crônicas, bem como poemas literatura de cordel. Esses escritos começam, então, a fazer parte de apresentações artísticas, de atividades festivas e concursos literários.

A esses eventos, acrescenta-se a participação em Antologias – Antologia das Águas (2007), Planeta Feito Quintal (2009), Paisagens da Memória (2010). Publicou, em 2018, o livro Fluxo das Águas em o rio da vida inteira. Também tem sido enriquecedora a experiência em participar das produções literárias da Revista Novo Horizonte, que reúne grande elenco da literatura pernambucana.

A gerente do Programa de Leitura em Jaboatão-PE, Betânia Santos, atua em projetos com a escritora Lúcia Regina

“Lúcia trabalha comigo na Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes, na Gerência do Programa de Leitura. Trabalhar com Lúcia é mergulhar na arte poética literária. É se aprimorar, se refazer e se construir como pessoa e profissional”, afirma a psicóloga Betânia Santos. Na próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet, a  escritora e professora, Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte). Link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853). Trechos estarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

A escritora Drica Shinohara presta depoimento sobre a autora Lúcia Regina

A escritora, autora de vários livros infantis e contadora de histórias, Drica  Shinohara, presta depoimento sobre a autora e professora, Lúcia Regina que se prepara para lançar virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte).  Será na próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet. Link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853). Trechos estarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

Na Rádio Folha, a escritora e professora, Lúcia Regina, é entrevistada

A escritora e professora, Lúcia Regina, foi entrevistada na Rádio Folha pela jornalista Patrícia Breda. Na próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet, a  escritora e professora, Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte). Link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853). Trechos estarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

A poeta e membro da APL, Lourdes Sarmento, fez a apresentação do livro da escritora Lúcia Regina

“Lúcia Regina nos revela uma autora com preocupações filosóficas  e como professora procura transmitir aos seus alunos e leitores comportamentos humanos. Esclarece no seu livro fatos da grande necessidade de  se enxergar as carências do ser humano, numa época na qual vivemos entre a indiferença e a ganância das pessoas”, afirma a poeta, jornalista e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento. Na próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet, a  escritora e professora, Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte). Segue o link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853). Trechos estarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

A professora Graças Silva Rickli fala sobre a obra da escritora Lúcia Regina

A escritora, professora e membro da União Brasileira de Escritores (UBE-PE), Graças Silva Rickli, produziu com a escritora Lúcia Regina o videoclipe “Vozes do Mangue” para o projeto Cão sem plumas, desenvolvido nos colégio pernambucanos. Na próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet, a professora Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte). Link da reunião: https://meet.google.com/ndy-gpas-qbeA obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853). Trechos estarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

A professora e fotógrafa, Diana Regina, convida para o lançamento do novo livro da escritora Lúcia Regina

A professora e fotógrafa, Diana Regina Silva Oliveira, é a autora das fotos que ilustram o livro “Um caminho entre estrelas e jardins” de autoria de sua mãe, Lúcia Regina. A obra será lançada na próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, às 20h, pelo Google Meet. Segue o link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe  O livro já está à venda na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853). Trechos ficarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

“Quase todas as crônicas e contos de fatos reais ou imaginários refletem a sua preocupação em falar ao mundo sobre o que pensa a respeito do Amor real, visto que suprir o vazio não preenchido não é amor. Amar é também cuidar do outro. É aplaudir as alegrias e vitórias do outro ser”, afirma, na apresentação do livro, a poeta, jornalista e pesquisadora, Lourdes Sarmento, membro da Academia  Pernambucana de Letras.

LÚCIA REGINA Malaquias da Silva é recifense,  professora, licenciada em Língua Portuguesa e Língua Inglesa, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), exercendo o magistério na Rede Municipal de Jaboatão dos Guararapes e do Recife onde leciona Inglês, Português e Literatura. Ao longo da carreira de magistério, Lúcia buscou apropriar-se da Língua Estrangeira obtendo Título de Proficiência em Língua Inglesa, Cambridge Certificate in English, e Especialização em Linguística Aplicada à Língua Inglesa e Linguística Aplicada à Língua Portuguesa, na Universidade Federal de Pernambuco. A paixão por literatura tem fundamentado suas atividades didáticas  e, consequentemente, tem impulsionado a realização de  algumas produções literárias.

Com olhos e ouvidos atentos ao diálogo, percebe que sempre há algo importante para ser registrado e começa a tecer narrativas inspiradoras e constituídas por contos e crônicas, bem como poemas literatura de cordel. Esses escritos começam, então, a fazer parte de apresentações artísticas, de atividades festivas e concursos literários. A esses eventos, acrescenta-se a participação em Antologias – Antologia das Águas (2007), Planeta Feito Quintal (2009), Paisagens da Memória (2010). Publicou, em 2018, o livro Fluxo das Águas em o rio da vida inteira. Também tem sido enriquecedora a experiência em participar das produções literárias da Revista Novo Horizonte, que reúne grande elenco da literatura pernambucana.

A poeta e editora, Lourdes Nicácio, apresenta o novo livro da escritora Lúcia Regina

“O livro muito bem elaborado que deu prazer ler. Conviver com a literatura de Lúcia Regina dá muita satisfação porque ela faz o texto bem cuidado, ela trabalha a palavra e a gente sente uma influência de uma boa literatura, de uma boa participação como escritora em revistas, em jornais e em antologia”, afirma, em vídeo, a escritora e editora, Lourdes Nicácio. No dia 15 de janeiro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet, a  escritora e professora, Lúcia Regina, lançará o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte).  Segue o link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe 

>> LÚCIA REGINA Malaquias da Silva: nascida em Recife-PE, é professora, licenciada em Língua Portuguesa e Língua Inglesa, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), exercendo o magistério na Rede Municipal de Jaboatão dos Guararapes e do Recife onde leciona Inglês, Português e Literatura. Ao longo da carreira de magistério, buscou apropriar-se da Língua Estrangeira obtendo Título de Proficiência em Língua Inglesa, Cambridge Certificate in English, e Especialização em Linguística Aplicada à Língua Inglesa e Linguística Aplicada à Língua Portuguesa, na Universidade Federal de Pernambuco.

A paixão por literatura tem fundamentado suas atividades didáticas  e, consequentemente, tem impulsionado a realização de  algumas produções literárias. Com olhos e ouvidos atentos ao diálogo, percebe que sempre há algo importante para ser registrado e começa a tecer narrativas inspiradoras e constituídas por contos e crônicas, bem como poemas literatura de cordel. Esses escritos começam, então, a fazer parte de apresentações artísticas, de atividades festivas e concursos literários. A esses eventos, acrescenta-se a participação em Antologias – Antologia das Águas (2007), Planeta Feito Quintal (2009), Paisagens da Memória (2010). Publicou, em 2018, o livro Fluxo das Águas em o rio da vida inteira. Também tem sido enriquecedora a experiência em participar das produções literárias da Revista Novo Horizonte, que reúne grande elenco da literatura pernambucana.

A escritora e professora, Lúcia Regina, fala sobre o seu novo livro e outras produções literárias

Com a palavra, a escritora Lúcia Regina

No dia 15 de janeiro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet, a escritora e professora, Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte). Segue o link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe “Quase todas as crônicas e contos de fatos reais ou imaginários refletem a sua preocupação em falar ao mundo sobre o que pensa a respeito do Amor real, visto que suprir o vazio não preenchido não é amor. Amar é também cuidar do outro. É aplaudir as alegrias e vitórias do outro ser”, afirma a poeta, jornalista e pesquisadora, Lourdes Sarmento, membro da Academia  Pernambucana de Letras.

>> LÚCIA REGINA Malaquias da Silva: nascida em Recife-PE, é professora, licenciada em Língua Portuguesa e Língua Inglesa, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), exercendo o magistério na Rede Municipal de Jaboatão dos Guararapes e do Recife onde leciona Inglês, Português e Literatura. Ao longo da carreira de magistério, buscou apropriar-se da Língua Estrangeira obtendo Título de Proficiência em Língua Inglesa, Cambridge Certificate in English, e Especialização em Linguística Aplicada à Língua Inglesa e Linguística Aplicada à Língua Portuguesa, na Universidade Federal de Pernambuco.

A paixão por literatura tem fundamentado suas atividades didáticas  e, consequentemente, tem impulsionado a realização de  algumas produções literárias. Com olhos e ouvidos atentos ao diálogo, percebe que sempre há algo importante para ser registrado e começa a tecer narrativas inspiradoras e constituídas por contos e crônicas, bem como poemas literatura de cordel. Esses escritos começam, então, a fazer parte de apresentações artísticas, de atividades festivas e concursos literários. A esses eventos, acrescenta-se a participação em Antologias – Antologia das Águas (2007), Planeta Feito Quintal (2009), Paisagens da Memória (2010). Publicou, em 2018, o livro Fluxo das Águas em o rio da vida inteira. Também tem sido enriquecedora a experiência em participar das produções literárias da Revista Novo Horizonte, que reúne grande elenco da literatura pernambucana.

A escritora e professora, Lúcia Regina, lançará o livro “Um caminho entre estrelas e jardins”

No dia 15 de janeiro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet, a escritora e professora, Lúcia Regina, lançará virtualmente o seu novo livro de contos e crônicas, “Um caminho entre estrelas e jardins” (Edições Novo Horizonte). Segue o link da reunião:  https://meet.google.com/ndy-gpas-qbe  “Quase todas as crônicas e contos de fatos reais ou imaginários refletem a sua preocupação em falar ao mundo sobre o que pensa a respeito do Amor real, visto que suprir o vazio não preenchido não é amor. Amar é também cuidar do outro. É aplaudir as alegrias e vitórias do outro ser”, afirma a poeta, jornalista e pesquisadora, Lourdes Sarmento, membro da Academia  Pernambucana de Letras.

>> LÚCIA REGINA Malaquias da Silva: nascida em Recife-PE, é professora, licenciada em Língua Portuguesa e Língua Inglesa, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), exercendo o magistério na Rede Municipal de Jaboatão dos Guararapes e do Recife onde leciona Inglês, Português e Literatura. Ao longo da carreira de magistério, buscou apropriar-se da Língua Estrangeira obtendo Título de Proficiência em Língua Inglesa, Cambridge Certificate in English, e Especialização em Linguística Aplicada à Língua Inglesa e Linguística Aplicada à Língua Portuguesa, na Universidade Federal de Pernambuco.

A paixão por literatura tem fundamentado suas atividades didáticas  e, consequentemente, tem impulsionado a realização de  algumas produções literárias. Com olhos e ouvidos atentos ao diálogo, percebe que sempre há algo importante para ser registrado e começa a tecer narrativas inspiradoras e constituídas por contos e crônicas, bem como poemas literatura de cordel. Esses escritos começam, então, a fazer parte de apresentações artísticas, de atividades festivas e concursos literários.

A esses eventos, acrescenta-se a participação em Antologias – Antologia das Águas (2007), Planeta Feito Quintal (2009), Paisagens da Memória (2010). Publicou, em 2018, o livro Fluxo das Águas em o rio da vida inteira. Também tem sido enriquecedora a experiência em participar das produções literárias da Revista Novo Horizonte, que reúne grande elenco da literatura pernambucana.

A poeta Lourdes Sarmento lança 25 MOMENTOS

>> Leia o ebook: CLIQUE AQUI

>> Os exemplares estão à venda no seguinte local:

– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.

Com palavra, a poeta Lourdes Sarmento

Nesta terça-feira, dia 29 de dezembro, a premiada poeta, pesquisadora, jornalista e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento, lança virtualmente o seu novo livro 25 MOMENTOS (Edições Novo Horizonte). Não haverá Live de lançamento. A obra já está sendo vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853) e se encontra disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook: CLIQUE AQUI

LOURDES SARMENTO nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

A escritora e membro da UBE-RJ, Eurídice Hespanhol, indica a leitura dos livros de Lourdes Sarmento

“Quero parabenizar aqui a Academia Pernambucana de Letras por ter em seu quadro essa escritora sensível, especial e talentosa. Indico a leitura de todos os livros de Lourdes Sarmento e agradeço a ela por esse presente de final de ano que será lançado no dia 29, 25 Momentos”, afirma a escritora e membro da União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro-RJ, Eurídice Hespanhol. A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente, no dia 29 de dezembro (terça-feira), o seu novo livro “25 MOMENTOS” com o selo das Edições Novo Horizonte.

“Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a poeta  e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook: www.edicoesnovohorizonte.com

LOURDES SARMENTO nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

Entrevista na Rádio com a poeta Lourdes Sarmento

A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, foi entrevistada na Rádio Jornal (FM 90.3/ AM 780). Na próxima terça-feira, dia 29 de dezembro, a escritora lançará virtualmente o seu livro “25 MOMENTOS”, no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com  “Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a escritora  e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853).

LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

O acadêmico José Nivaldo Júnior convida para o lançamento do livro “25 Momentos”

O acadêmico e publicitário, José Nivaldo Júnior, convida para o lançamento virtual do livro “25 MOMENTOS” de autoria da poeta e jornalista, Lourdes Sarmento, que será realizado na próxima terça-feira, dia 29 de dezembro, no site: www.edicoesnovohorizonte.com  “Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a escritora  e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853).

LOURDES SARMENTO nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

A acadêmica Margarida Cantarelli ressalta a amizade e a poesia de Lourdes Sarmento

“A poesia de Lourdes é ela própria em forma de verso, tal a sua capacidade de transformar para as palavras tudo que está dentro de si. Os amores, a solidão, as alegrias, as lembranças, tudo enriquece a poesia de Lourdes”, afirma, em vídeo, a advogada, professora, escritora e membro da Academia Pernambucana de Letras, Margarida Cantarelli. A premiada poeta, jornalista e pesquisadora, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente, no dia 29 de dezembro (terça-feira), o seu novo livro “25 MOMENTOS” com o selo das Edições Novo Horizonte. “Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a escritora. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook: www.edicoesnovohorizonte.com

>> LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

O presidente da APL, Lucilo Varejão Neto, enaltece a poesia de Lourdes Sarmento

“A Academia Pernambucana de Letras se sente enriquecida em ter em seu quadro de associados a escritora, jornalista, poeta, aliás uma das mais importantes da atual literatura pernambucana, Lourdes Sarmento”, afirma o escritor e presidente da APL, Lucilo Varejão Neto. A premiada poeta Lourdes Sarmento lançará virtualmente, no dia 29 de dezembro (terça-feira), o seu novo livro “25 MOMENTOS” com o selo das Edições Novo Horizonte. “Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a escritora. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook: www.edicoesnovohorizonte.com

LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

A acadêmica Ana Maria César fala sobre a escritora Lourdes Sarmento e sua poesia

“Lourdes Sarmento é sinônimo de poesia. Ela respira, ela sonha, ela vive poesia. A sua vida inteira foi fazendo poesia, publicando e nos dando o prazer de participar deste mundo dela. Ela publicou vários livros, inclusive teve a oportunidade de ser uma verdadeira embaixadora dos poetas brasileiros quando publicou  na França Poésie du Brésil levando a poesia de vários poetas brasileiros para os europeus”, afirma, em vídeo, a escritora e membro da Academia Pernambucana de Letras, Ana Maria César.

A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente, no dia 29 de dezembro (terça-feira), o seu novo livro “25 MOMENTOS” com o selo das Edições Novo Horizonte. “Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a poeta  e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook: www.edicoesnovohorizonte.com

>> LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

Lourdes Sarmento lançará o livro “25 Momentos”

A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente, no dia 29 de dezembro (terça-feira), o seu novo livro “25 MOMENTOS” com o selo das Edições Novo Horizonte. “Estes 25 Momentos nasceram da necessidade de falar sobre a Vida e o Amor, condensados no sonho. É momento de Pandemia, mas canto”, afirma a poeta  e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento. A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook, no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>>  SOBRE LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 28  livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris. 

Lançamento virtual do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso”

>> Leia trechos da obra: CLIQUE AQUI

>> Link da videoconferência no Google Meet:  https://meet.google.com/uhd-ntts-vad 

>> Os exemplares estão à venda nos seguintes locais:

– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.

– Site da Amazon: https://www.amazon.com.br/Novos-Horizontes-Antologia-Prosa-Verso-ebook/dp/B08PKSXY2Z/ref=sr_1_1__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=antologia+novos+horizontes&qid=1607640862&sr=8-1

No dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet, será o lançamento virtual do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio.  Link da videoconferência no Google Meet:  https://meet.google.com/uhd-ntts-vad  Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia, diretamente do município de Belém do São Francisco, sertão pernambucano. A obra reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco.

Os textos foram escritos em prosa ou em verso, fictícios ou não, com a temática em torno do positivo (amor, gratidão, fé, paz, saúde, esperança, solidariedade, entre outros valores éticos e morais) para um novo planeta que surge após a pandemia da Covid-19. “A obra reúne não apenas autores já consagrados, mas também há os novos autores que viram na coletânea uma oportunidade de divulgar o seu trabalho, alguns são do interior do estado.  A Antologia Novos Horizontes nos convida à reflexão para desenvolvermos uma humanidade que trabalhe de forma construtiva, agregue valores, diante de uma pandemia que deu um diagnóstico da pequenez dos que não conseguiram praticar a solidariedade, a empatia e a compaixão. E nos convoca a sermos ativos, combater o egoísmo e a passividade; fazer sempre o nosso melhor e estender os nossos limites. Mesmo diante das injustiças, ter a dignidade de se comprometer com o bem, sendo o exemplo, o cultivo da luz”, afirma a organizadora do livro, a jornalista Raphaela Nicácio.

>> Os 63 autores participantes do livro: Aglaura Catão, Alzira Paiva Tavares, Ana Prosini, Antônia Campos, Ariadne Quintella, Carlos  Jales, Carlos Rangel, Cássio Cavalcante, Célia Labanca, Ciro Rickli, Deborah Romana, Dilson Luz Filho, Eduardo Gomes, Eneide Pizza, Fátima Quintas, Fernando Farias, Fernando Tavares, Glória Albuquerque, Graças Silva Rickli, Ivanilde Morais de Gusmão, Jacira Barros, Jacques Ribemboim, João DiCarvalho, José Augusto Tenório, Josinaldo Maria da Costa, Leny Amorim, Letícia Quintella, Lourdes Nicácio, Lourdes Sarmento, Lúcia Regina, Lúcia Sousa, Luciana Black, Luzilá Gonçalves Ferreira, Marcos Carneiro, Márcia Matos, Maria Lúcia Lauria Chiappetta, Maria de Lourdes Soares Ornellas, Maria do Céu de Ataíde Vasconcelos, Maria do Socorro Costa, Maria José Torres Klimsa, Maria Lúcia de Araújo Nogueira, Maria da Conceição Alves de Lima, Maria Nilza da Conceição Lima, Marlindo Pires, Milton Júnior, Moisés Monteiro de Melo Neto, Murilo Crêspo, Nelson Brandão, Nelson Brandão, Olímpio Bonald Neto, Paulo Gustavo, Paulo Salles Cavalcanti, Petrúcia Camelo, Priscila Prosini, Rachel Carrilho, Rayssa Sales Gaspar, Renato Maroja, Ricardo Moreira (Testão), Riverdes Coelho Falcão, Rosângela Ferraz, Salete Rêgo Barros, Telma Brilhante, Turmalina Teles, Valdene Duarte.

Entrevista na Rádio Jornal com a organizadora da Antologia Novos Horizontes, Raphaela Nicácio

A jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio, organizadora do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” foi entrevistada pelo jornalista Marcelo Araújo no programa Movimento Cultural da Rádio Jornal (FM 90.3).  A coletânea reúne 63 autores de vários estados: Aglaura Catão, Alzira Paiva Tavares, Ana Prosini, Antônia Campos, Ariadne Quintella, Carlos  Jales, Carlos Rangel, Cássio Cavalcante, Célia Labanca, Ciro Rickli, Deborah Romana, Dilson Luz Filho, Eduardo Gomes, Eneide Pizza, Fátima Quintas, Fernando Farias, Fernando Tavares, Glória Albuquerque, Graças Silva Rickli, Ivanilde Morais de Gusmão, Jacira Barros, Jacques Ribemboim, João DiCarvalho, José Augusto Tenório, Josinaldo Maria da Costa, Leny Amorim, Letícia Quintella, Lourdes Nicácio, Lourdes Sarmento, Lúcia Regina, Lúcia Sousa, Luciana Black, Luzilá Gonçalves Ferreira, Marcos Carneiro, Márcia Matos, Maria Lúcia Lauria Chiappetta, Maria de Lourdes Soares Ornellas, Maria do Céu de Ataíde Vasconcelos, Maria do Socorro Costa, Maria José Torres Klimsa, Maria Lúcia de Araújo Nogueira, Maria da Conceição Alves de Lima, Maria Nilza da Conceição Lima, Marlindo Pires, Milton Júnior, Moisés Monteiro de Melo Neto, Murilo Crêspo, Nelson Brandão, Nelson Brandão, Olímpio Bonald Neto, Paulo Gustavo, Paulo Salles Cavalcanti, Petrúcia Camelo, Priscila Prosini, Rachel Carrilho, Rayssa Sales Gaspar, Renato Maroja, Ricardo Moreira (Testão), Riverdes Coelho Falcão, Rosângela Ferraz, Salete Rêgo Barros, Telma Brilhante, Turmalina Teles, Valdene Duarte.

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
– Livraria Varejão do Estudante:
 Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

A presidente da ALB/PE, Telma Brilhante, convida para o lançamento da Antologia Novos Horizontes

A escritora, professora e presidente da Academia de Letras do Brasil/PE, Telma Brilhante,  é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizado pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual da coletânea será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet no link: https://meet.google.com/uhd-ntts-vad Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
– Livraria Varejão do Estudante:
 Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

O cantor e escritor, João DiCarvalho, fará uma apresentação musical no lançamento da Antologia Novos Horizontes

Diretamente do município de Belém do São Francisco-PE, às margens do Velho Chico, o cantor, compositor e escritor, João DiCarvalho, fará uma apresentação musical no lançamento virtual do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizado pela jornalista Raphaela Nicácio. Será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. João DiCarvalho também é participante da coletânea que reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
– Livraria Varejão do Estudante:
 Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

A escritora e jornalista, Ariadne Quintella, participa da Antologia Novos Horizontes

A escritora, jornalista e advogada, Ariadne Quintella, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual da coletânea será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
– Livraria Varejão do Estudante:
 Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

A escritora Lúcia Regina participa da Antologia Novos Horizontes

A escritora,  professora de Inglês, Português e Literatura na Rede Municipal do Jaboatão dos Guararapes e de Recife, Lúcia Regina, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual da coletânea será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
– Livraria Varejão do Estudante:
 Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

A escritora Célia Labanca é participante da Antologia Novos Horizontes

A escritora, poeta e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual da coletânea será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros já estão à venda no site da Amazon: https://www.amazon.com.br/Novos-Horizontes-Antologia-Prosa-Verso-ebook/dp/B08PKSXY2Z/ref=sr_1_1?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=Antologia+Novos+Horizontes&qid=1607433398&sr=8-1

O escritor Marcos Carneiro é participante da Antologia Novos Horizontes

O escritor, psicólogo e professor universitário, Marcos Carneiro, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual da coletânea será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros já estão à venda no site da Amazon: https://www.amazon.com.br/Novos-Horizontes-Antologia-Prosa-Versoebook/dp/B08PKSXY2Z/ref=sr_1_1__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=Antologia+Novos+Horizontes&qid=1607433398&sr=8-1

O escritor José Augusto Tenório é participante da Antologia Novos Horizontes

 O escritor, poeta, advogado nas áreas cível e trabalhista desde 1998, José Augusto, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual da coletânea será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros já estão à venda no site da Amazon:  https://www.amazon.com.br/Novos-Horizontes-Antologia-Prosa-Verso-ebook/dp/B08PKSXY2Z/ref=sr_1_1?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=Antologia+Novos+Horizontes&qid=1607433398&sr=8-1

A escritora Antônia Campos convida para o lançamento da Antologia Novos Horizontes

A artista plástica, professora e escritora, Antônia Campos, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual erá no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros já estão à venda no site da Amazon:
https://www.amazon.com.br/Novos-Horizontes-Antologia-Prosa-Verso-ebook/dp/B08PKSXY2Z/ref=sr_1_1?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=Antologia+Novos+Horizontes&qid=1607358668&sr=8-1

Lançamento Virtual da Antologia Novos Horizontes

O poeta, médico psiquiatra e psicólogo clínico,  Fernando Tavares, é participante do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. O lançamento virtual será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

Participante da Antologia Novos Horizontes convida para o lançamento virtual no dia 11 de dezembro

O escritor Ricardo Moreira (Testão) convida para o lançamento virtual do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. Será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

Participante da Antologia Novos Horizontes convida para o lançamento virtual no dia 11 de dezembro

O premiado dramaturgo, escritor e professor universitário, Moisés Monteiro de Melo Neto, convida para o lançamento virtual do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. Será no dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A coletânea reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Com epígrafes dos poetas Alberto da Cunha Melo e Lourdes Nicácio; orelha do escritor, YouTuber e professor, Flávio Ricardo Vassoler. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os livros estarão à venda nos seguintes locais:
Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Site da Amazon: www.amazon.com.br
– Site da Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com

Lançamento da Antologia Novos Horizontes, no dia 11 de dezembro

No dia 11 de dezembro (sexta-feira), às 20h, pelo Google Meet será o lançamento virtual do livro “Novos Horizontes – Antologia em Prosa e Verso” organizada pela jornalista, professora e escritora, Raphaela Nicácio. Na ocasião, haverá apresentação musical do cantor e compositor, João DiCarvalho, participante também da antologia. A obra reúne 63 autores de vários estados como Alagoas, Ceará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Paraná e Pernambuco. Com epígrafes dos poetas Alberto da Cunha Melo e Lourdes Nicácio; orelha do escritor, YouTuber e professor, Flávio Ricardo Vassoler. Durante o dia do lançamento, o link de acesso do Google Meet será informado. Fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site, bem como a venda dos exemplares: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Participantes da antologia:

Aglaura Catão
Alzira Paiva Tavares
Ana Prosini
Antônia Campos
Ariadne Quintella
Carlos  Jales
Carlos Rangel
Cássio Cavalcante
Célia Labanca
Ciro Rickli
Deborah Romana
Dilson Luz Filho
Eduardo Gomes
Eneide Pizza
Fátima Quintas
Fernando Farias
Fernando Tavares
Glória Albuquerque
Graças Silva Rickli
Ivanilde Morais de Gusmão
Jacira Barros
Jacques Ribemboim
João DiCarvalho
José Augusto Tenório
Josinaldo Maria da Costa
Leny Amorim
Letícia Quintella
Lourdes Nicácio
Lourdes Sarmento
Lúcia Regina
Lúcia Sousa
Luciana Black



Luzilá Gonçalves Ferreira
Marcos Carneiro
Márcia Matos
Maria Lúcia Lauria Chiappetta
Maria de Lourdes Soares Ornellas
Maria do Céu de Ataíde Vasconcelos
Maria do Socorro Costa
Maria José Torres Klimsa
Maria Lúcia de Araújo Nogueira
Maria da Conceição Alves de Lima
Maria Nilza da Conceição Lima
Marlindo Pires
Milton Júnior
Moisés Monteiro de Melo Neto
Murilo Crêspo
Nelson Brandão
Nelson Brandão
Olímpio Bonald Neto
Paulo Gustavo
Paulo Salles Cavalcanti
Petrúcia Camelo
Priscila Prosini
Rachel Carrilho
Rayssa Sales Gaspar
Renato Maroja
Ricardo Moreira (Testão)
Riverdes Coelho Falcão
Rosângela Ferraz
Salete Rêgo Barros
Telma Brilhante
Turmalina Teles
Valdene Duarte


O escritor Ed Arruda lança por videoconferência o livro “Azul Sereno”

>> Leia trechos da obra: CLIQUE AQUI

>> Link da videoconferência no Google Meet: 
https://meet.google.com/uqn-fjtz-pub

>> Os exemplares estão à venda nos seguintes locais:

– Cultura Nordestina: Rua Luiz Guimarães 555, Poço da Panela, Recife-PE. Telefone: 81. 3243-3927. 

– Site da Amazon: https://www.amazon.com.br/Azul-Sereno-Ed-Arruda-ebook/dp/B08P2HGYSG/ref=sr_1_1?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=Ed+Arruda&qid=1606419766&sr=8-1

– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.

O escritor e secretário geral da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), Ed Arruda, lança, no dia 27 de novembro, às 19h,  por videoconferência, através do Google Meet, o livro em verso e prosa “Azul Sereno” (Edições Novo Horizonte, 102 páginas). Link da videoconferência: https://meet.google.com/uqn-fjtz-pub

Com estas palavras começa o posfácio escrito por Valdenides Dias, professora associada da UFRN com pós-doutorado pela UFPE:

O que falar sobre Azul Sereno?

Começo pela serenidade expressiva de Ed Arruda ao aventurar-se em promover a junção de poesia e prosa, de lirismo e crítica social em um livro que vai do verso livre às décimas heptassilábicas para além do azul que matiza a experiência poética, enquanto relação privilegiada do homem com o mundo, aponto outros tons importantes:

As citações que entrecruzam os poemas são guias que conduzem o leitor, ora para o lirismo, com Goethe e Quintana, ora para o social, com Einstein, Jerome Lawrence, Dante e Saint-Just, este último soando como uma espécie de mantra que acompanha os pontos altos da crítica social implícita em vários poemas. Na verdade, todos demarcam a tríade temática — amor, fé, política — por onde circunda um eu lírico reflexivo, que enfrenta as “ziquiziras” da vida, “frente a um céu azul sereno”.

A escolha lexical nos leva também a descobrir marcas de Drummond   — “É uma pedra. Não a do caminho, a de Bolonha elevada ao topo do vértice” —; de Bandeira — “A estrela se rende à escuridão em pleno dia” e Quintana, em citação direta — “Amar é mudar a alma de casa”. 

Na contracapa, a escritora Aline Saraiva convida a:

Contemplar e refletir; refletir e contemplar.

Navegar não é o bastante; as ondas desse Azul Sereno submergem o leitor em mergulhos intensos.

A técnica e a sensibilidade do autor – generosamente compartilhadas nos ambientes literários ao seu redor – se unem para servir à escrita, tecendo verso e prosa com belos e instigantes matizes, refletidos na fluidez e diversidade de tons e temas – universais, singulares, atemporais, contemporâneos – fincados na tríade amor-fé-política, abraçados por igual acuidade.

Primazia na concepção de figuras de linguagem; suficiência das palavras; apuro nas citações adunadas, juntos à essência a escorrer pelas entrelinhas homenageiam percepções e convidam a sempre bem-vinda fuga do lugar-comum.

Ao final, uma dúvida: sereno? Por que traga com tamanha força?

A professora Asunción Gonzalez, graduada em Letras com pós em Língua portuguesa, confessa nas orelhas de Azul Sereno não ser surpresa o brinde:

Brinda-nos em verso e prosa, não me surpreende, pois sempre o instiguei a resgatar o sonho estacionado no passado. A poética não acalenta, grita, acorda os anjos de pedra para enxergar e sentir o mundo cru e sem ervas aromáticas. Atravessa o ficcional, invade a realidade para gestar denúncias, mas deixa clara a opção pela vida, pela liberdade, pela soberania da Pátria e pelos valores morais. Pesa-lhe a questão religiosa, uma pedra no calcanhar do sapato apertado.

Com uma escrita enxuta e objetiva nos apresenta o primeiro livro. Embora seja escritor dedicado à ficção e à crônica, presente em algumas coletâneas, surpreende-nos com poemas; rastro da trajetória das horas de descanso, apartado dos personagens ficcionais. A balança metafórica afere o teor poético do livro e serve de bússola à imaginação do leitor.

A psicóloga, professora, coralista do Bloco Lírico Cordas e Retalhos, “brincante e aprendiz de poeta” com estas palavras se define Ana Pottes, enquanto arremata o autor:

Rios caudalosos reagem à contenção e os primeiros escritos vão parar no site Recanto das Letras. Encorajado por 1566 leituras e 79 comentários inicia as publicações em papel. São participações em dezessete coletâneas lançadas nas cidades do Recife/PE, do Rio de Janeiro/RJ, de Maringá/PR, de São Paulo/SP e de Olinda/PE. Filia-se a União Brasileira de Escritores. Em agosto de 2019 é convidado para ocupar o Destaque Literário do ponto de cultura e arte, Cultura Nordestina.

Uma pérola de escrita singular, instigante, rica em metáforas, símiles, cenários coloridos ou em preto e branco. Algumas vezes árido como a visão daquela janela do passado, outras vezes libertário. Michelangelo respondendo a pergunta como faz uma escultura? “Simplesmente retiro do bloco de mármore tudo o que não é necessário”. Assim é Ed Arruda; um artista cujo cinzel são as palavras e o que esculpe no mármore são os contos, as crônicas e, neste livro, poemas.

O escritor Ed Arruda narra como foi o seu processo de produção do livro:

Adolescente escrevi os primeiros versos, alimentados por uma colega de bairro, primeira decepção amorosa. Lembro o início: “Pedra polida em minha vida vieste, ladeira abaixo impiedosa rolaste”. Ela casou com o padre, era o nosso professor de português no ginasial, tiveram filhos e foram felizes. Por acaso nos encontramos na década de 90, ela estava viúva.

Recordo um outro poema que tomei como desafio de um professor no curso de telecomunicações. Ele ensinava métrica e rima, ao término lançou o desafio: daria um ponto extra a quem escrevesse uma poesia.  Fiz uma grande que narrava a movimentação de chegada, saída e o contraste de durante as aulas e intervalo. Ele me negou o ponto, disse que eu não precisava, estava aprovado por média. Voltei a escrever poemas com o nascimento da primeira filha, publiquei no jornal interno da Embratel onde trabalhei por 34 anos.

De volta a escrita, dediquei-me à ficção, mas aos poucos produzi alguns poemas sem pretensões. À procura de fonte para beber encontrei Tomas Stearns Eliot, Maria Rilke, Goethe em Os sofrimentos do jovem Werther, Mário Quintana, Austro Costa, Carlos Drummond, Manuel Bandeira, Alberto da Cunha. Enfim, diante da infinitude do universo, a disposição voltou. Gosto de escrever pela manhã, a cabeça amanhece repleta de ideias, mas nem sempre me sento e não tenho o hábito de anotar. Cuido de mim e me dou muito trabalho. Azul Sereno sai por medo da pandemia e eu ser público alvo, além das provocações dos monstros. O “Último apague a luz” estava definido para o título até um domingo quando depois do almoço sentei e me reclinei na cadeira.

O céu vestia a domingueira azul marinho e sob ele, alvas ovelhas corriam se separavam e se agrupam em novos rebanhos. A brincadeira parecia densa: elas se rasgavam e se esgarçavam. Imaginei as separações humanas quando uma das partes tem dificuldade em aceitar perda e reage com violência. Alguns poemas vêm como incentivo a quem precisa melhorar a capacidade de resiliência nos rompimentos amorosos. – Que tal substituir o sentimento de perda pela escrita ou leitura de um poema.

A professora Valdenides Cabral é a autora do posfácio do livro “Azul Sereno”

A professora associada da UFRN, Valdenides Cabral de Araújo Dias, é a autora do posfácio do livro “Azul Sereno” do escritor e secretário geral da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), Ed Arruda. A obra será lançada na próxima sexta-feira, dia 27 de novembro, às 19h, por videoconferência, através do Google Meet, no link: https://meet.google.com/uqn-fjtz-pub
Durante o dia, fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os exemplares estarão à venda nos seguintes locais:
– Cultura Nordestina: Rua Luiz Guimarães 555, Poço da Panela, Recife-PE. Telefone: 81 3243-3927.        
– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
 – Site da Amazon: www.amazon.com.br

A psicóloga, professora e poeta, Ana Pottes, fala sobre o escritor Ed Arruda

A psicóloga, professora, poeta, coralista do Bloco Lírico Cordas e Retalhos, Ana Pottes,  fala sobre o escritor Ed Arruda que lança  o livro  em prosa e verso “Azul Sereno”,  na próxima sexta-feira, dia 27 de novembro, às 19h, por videoconferência, através do Google Meet. Durante o dia, o link de acesso da videoconferência e os fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os exemplares estarão à venda nos seguintes locais:
– Cultura Nordestina: Rua Luiz Guimarães 555, Poço da Panela, Recife-PE. Telefone: 81 3243-3927.        
– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
 – Site da Amazon: www.amazon.com.br

A professora Asunción Gonzalez é a autora das orelhas do livro “Azul Sereno”

A professora Asunción Gonzalez, a autora das orelhas do livro “Azul Sereno”, presta depoimento sobre o o escritor Ed Arruda que lançará a obra na próxima sexta-feira, dia 27 de novembro, às 19h, por videoconferência, através do Google Meet. Durante o dia, o link de acesso da videoconferência e os fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os exemplares estarão à venda nos seguintes locais:
 – Site da Amazon: www.amazon.com.br
 – Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Cultura Nordestina: Rua Luiz Guimarães 555, Poço da Panela, Recife-PE. Telefone: 81 3243-3927.        

A escritora Aline Saraiva recomenda a obra “Azul Sereno”

“Eu encontrei no Azul Sereno uma sensibilidade e uma técnica que todo autor deseja alcançar e todo leitor ama encontrar. É um livro de muitos azuis aparentemente antônimos, mas na verdade são harmônicos e inseparáveis. É sereno, mas é forte. É delicado, é intenso, é ousado e muito belo”, ressalta a escritora Aline Saraiva, autora da contracapa do livro em verso e prosa “Azul Sereno” (Edições Novo Horizonte, 102 páginas). A obra de autoria do escritor e secretário geral da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), Ed Arruda, será lançada na próxima sexta-feira, dia 27 de novembro, às 19h, por videoconferência, através do Google Meet. Durante o dia, o link de acesso da videoconferência e os fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os exemplares estarão à venda nos seguintes locais:
 – Site da Amazon:www.amazon.com.br
– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Cultura Nordestina: Rua Luiz Guimarães 555, Poço da Panela, Recife-PE. Telefone: 81 3243-3927.        

O escritor Ed Arruda convida para o lançamento do seu livro “Azul Sereno”

O escritor e secretário geral da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), Ed Arruda, convida para o lançamento virtual do seu livro em verso e prosa “Azul Sereno” (Edições Novo Horizonte, 102 páginas). Será realizada uma videoconferência, através do Google Meet, no dia 27 de novembro, sexta-feira, às 19h. Durante o dia, o link de acesso da videoconferência e os fragmentos do livro ficam disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Os exemplares estarão à venda nos seguintes locais:
 – Site da Amazon:www.amazon.com.br
– Livraria Varejão do Estudante: Av. Manoel Borba 292, Boa Vista, Recife-PE. Telefone: 81. 2123-5853.
– Cultura Nordestina: Rua Luiz Guimarães 555, Poço da Panela, Recife-PE. Telefone: 81 3243-3927.        

Lançamento Virtual

>> Leia trechos da obra: CLIQUE AQUI

>> Compre o livro na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE) pelo telefone: 81. 2123.5853 ou pelo WhatsApp: 81. 99644-1043 ou pelo site http://www.varejao.com.br

A escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, lança virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco.
>> Leia trechos do livro: CLIQUE AQUI
>> Compre o livro na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE) pelo telefone: 81. 2123.5853 ou pelo WhatsApp: 81. 99644-1043 ou pelo site: www.varejao.com.br

A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.  A crônica que dá título ao livro “De Frente Para o Sol”, faz uma reflexão sobre a importância da interioridade, e das mudanças individuais. – “Assim é que, a minha proposta, e eu adoro propor, é que cada um de nós vivamos como frutos da inspiração divina, indo sem temor de encontro ao sol, compreendendo que a inteligência sem caráter, ou a generosidade dos holofotes somente nos afastam de nós”, afirma no texto, a escritora Célia Labanca.  O escritor, publicitário e membro da Academia Pernambucana de Letras, José Nivaldo Junior, ressalta no prefácio do livro a diversidade temática dos textos: “Que maravilhosa iguaria é este livro. (…) E isso fica  bem demonstrado nos temas diversificados que compõem este livro. Unificados pela marca indelével da dimensão humana diferenciada da autora. Além de um talento literário extraordinário, que se revela em imagens sutis e frases muito bem escritas, que fisgam e enlevam os leitores”

A jornalista, revisora e escritora, Ariadne Quintella, enaltece a trajetória de Célia Labanca, nas orelhas do livro: “Na leitura de sua obra temos a impressão de que somos privilegiados por termos alcançado mais cedo o caminho da verdade traçado por essa escritora, ora revolucionária, ora a serviço da humanidade, sem se descurar de uma linguagem escorreita e descontraída que a aproxima dos grandes escritores nacionais e internacionais, e que manifesta a grandiosidade do seu espírito quando se refere ao ente divino: ‘Creio Nele (Deus), porque creio em mim’ que diz com a convicção do Eterno. Enfim, em Célia Labanca não há o jogo dos subterfúgios (…)”.

CÉLIA LABANCA nasceu no Recife- PE. É bacharel em Direito pela Universidade Católica de Pernambuco, diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE. É autora dos romances: “A História Comum de Uma Mulher Qualquer”, “Aminta”, e “A Noite Tem Razão”. É prefaciadora de vários títulos; participou de mais de trinta antologias traduzidas em português e publicadas na França e na Espanha. Articulista de vários meios de comunicação, tendo alguns dos seus textos registrados nos anais da Assembleia Legislativa e da Câmara Municipal do Estado de Pernambuco. Tem artigo publicado sobre o seu livro “A HISTÓRIA COMUM DE UMA MULHER QUALQUER” no Jornal do Brasil, de autoria do escritor Marcos Vinícios Vilaça, à época Presidente da Academia Brasileira de Letras. Está citada no livro “O RECIFE DOS ROMANCISTAS” (2010) do jornalista e escritor Abdias Moura e no “DICIONÁRIO DE MULHERES” de autoria da escritora gaúcha, Hilda Agnes Hübner Flores (2011). É portadora de vários prêmios e títulos literários como o “Diploma Literário Mulheres que Mudaram a História de Pernambuco”, em 2010; Prêmio Tacaruna Mulher – Destaque da Cultura, 2013. Tem o título de “Grão Mestre da Ordem dos Guararapes” por serviços dedicados à cultura.

Assessoria de Imprensa – Novo Horizonte

As Edições Novo Horizonte oferece também serviço de Assessoria de Imprensa  a escritores promovendo divulgação de lançamentos virtuais. No dia 6 de novembro, a escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, lançará virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso já está sendo vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE) pelo telefone: 81. 2123.5800 ou pelo site: https://www.varejao.com.br

TV Globo, Bom Dia PE, 06.11.2020
Entrevista na Rádio Folha, 06.11.2020
Entrevista na Rádio Jornal, 03.11.2020
Jornal Diario de Pernambuco, 06.11.2020
Jornal Folha de Pernambuco, Cultura+, 09.11.2020
Jornal Folha de Pernambuco, Coluna Persona, 04.11.2020
Jornal do Commercio, Coluna Social1, 03.11.2020
Jornal do Commercio, Coluna Escrita, 03.11.2020
Jornal Diario de Pernambuco, coluna de João Alberto, 05.11.2020

A acadêmica Margarida Cantarelli presta depoimento sobre a amiga escritora Célia Labanca

A advogada, professora, desembargadora federal e membro da Academia Pernambucana de Letras, Margarida Cantarelli, presta depoimento sobre a amiga escritora, Célia Labanca que lançará virtualmente, no dia 6 de novembro, o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com 

>> Adquira o exemplar impresso na Livraria Varejão do Estudante pelo telefone: 81. 2123.5853 ou pelo site: https://www.varejao.com.br/…/1040057/DE-FRENTE-PARA-O-SOL (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE).

A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.       

O acadêmico José Nivaldo Junior indica a nova obra da escritora Célia Labanca

O acadêmico  e publicitário, José Nivaldo Junior, prefaciador do livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora”, indica a nova obra da escritora Célia Labanca que lançará no dia 6 de novembro (sexta-feira) com edição pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco. Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

>> Adquira o exemplar impresso na Livraria Varejão do Estudante pelo telefone: 81. 2123.5853 ou pelo site: https://www.varejao.com.br/…/1040057/DE-FRENTE-PARA-O-SOL (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE)

A artista plástica Ana Veloso convida para o lançamento do livro da escritora Célia Labanca

A artista plástica Ana Veloso, autora da capa da nova obra da escritora Célia Labanca, convida para o lançamento virtual do livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco. O evento online será na próxima sexta-feira, dia 6 de novembro, no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com
>> O exemplar impresso está sendo vendido no site da  Livraria Varejão do Estudante: https://www.varejao.com.br/Livro/1040057/DE-FRENTE-PARA-O-SOL ou pelo telefone: 81. 2123.5853 (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE).

A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.

A jornalista Maluma Marques fala sobre a escritora Célia Labanca

“Célia Labanca é um nome forte da escrita pernambucana. Falar de Célia é falar de respeito, sinceridade e autenticidade. Sabe valorizar a produção artística dos seus contemporâneos, se doa para implementar projetos no sentido de preservar o que sendo produzido”, afirma a escritora e presidente a Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil – Coordenadoria Pernambuco, Maluma Marques.

O exemplar impresso está sendo  pelo telefone: 81. 2123.5853  ou  pelo site da  Livraria Varejão do Estudante: https://www.varejao.com.br/Livro/1040057/DE-FRENTE-PARA-O-SOL (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE). A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.

Adquira o novo livro da escritora Célia Labanca

>> Compre o livro impresso, no site da Livraria Varejão do Estudante. Clique no link que segue: https://www.varejao.com.br/Livro/1040057/DE-FRENTE-PARA-O-SOL

>> Os pedidos também podem ser feitos pelo telefone da livraria: 81. 2123.5853
(Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE).

Na próxima sexta-feira, dia 6 de novembro, a escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, lançará virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

A escritora Célia Labanca lançará virtualmente o seu novo livro, no dia 6 de novembro (sexta-feira)

Na próxima sexta-feira, dia 6 de novembro, a escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, lançará virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com 
>> ADQUIRA O EXEMPLAR IMPRESSO NO SITE DA LIVRARIA VAREJÃO DO ESTUDANTE (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800): https://www.varejao.com.br/Livro/1040057/DE-FRENTE-PARA-O-SOL  

A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.  A crônica que dá título ao livro “De Frente Para o Sol”, faz uma reflexão sobre a importância da interioridade, e das mudanças individuais. – “Assim é que, a minha proposta, e eu adoro propor, é que cada um de nós vivamos como frutos da inspiração divina, indo sem temor de encontro ao sol, compreendendo que a inteligência sem caráter, ou a generosidade dos holofotes somente nos afastam de nós”, afirma no texto, a escritora Célia Labanca.  O escritor, publicitário e membro da Academia Pernambucana de Letras, José Nivaldo Junior, ressalta no prefácio do livro a diversidade temática dos textos: “Que maravilhosa iguaria é este livro. (…) E isso fica  bem demonstrado nos temas diversificados que compõem este livro. Unificados pela marca indelével da dimensão humana diferenciada da autora. Além de um talento literário extraordinário, que se revela em imagens sutis e frases muito bem escritas, que fisgam e enlevam os leitores”

A jornalista, revisora e escritora, Ariadne Quintella, enaltece a trajetória de Célia Labanca, nas orelhas do livro: “Na leitura de sua obra temos a impressão de que somos privilegiados por termos alcançado mais cedo o caminho da verdade traçado por essa escritora, ora revolucionária, ora a serviço da humanidade, sem se descurar de uma linguagem escorreita e descontraída que a aproxima dos grandes escritores nacionais e internacionais, e que manifesta a grandiosidade do seu espírito quando se refere ao ente divino: ‘Creio Nele (Deus), porque creio em mim’ que diz com a convicção do Eterno. Enfim, em Célia Labanca não há o jogo dos subterfúgios (…)”.

CÉLIA LABANCA nasceu no Recife- PE. É bacharel em Direito pela Universidade Católica de Pernambuco, diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE. É autora dos romances: “A História Comum de Uma Mulher Qualquer”, “Aminta”, e “A Noite Tem Razão”. É prefaciadora de vários títulos; participou de mais de trinta antologias traduzidas em português e publicadas na França e na Espanha. Articulista de vários meios de comunicação, tendo alguns dos seus textos registrados nos anais da Assembleia Legislativa e da Câmara Municipal do Estado de Pernambuco. Tem artigo publicado sobre o seu livro “A HISTÓRIA COMUM DE UMA MULHER QUALQUER” no Jornal do Brasil, de autoria do escritor Marcos Vinícios Vilaça, à época Presidente da Academia Brasileira de Letras. Está citada no livro “O RECIFE DOS ROMANCISTAS” (2010) do jornalista e escritor Abdias Moura e no “DICIONÁRIO DE MULHERES” de autoria da escritora gaúcha, Hilda Agnes Hübner Flores (2011). É portadora de vários prêmios e títulos literários como o “Diploma Literário Mulheres que Mudaram a História de Pernambuco”, em 2010; Prêmio Tacaruna Mulher – Destaque da Cultura, 2013. Tem o título de “Grão Mestre da Ordem dos Guararapes” por serviços dedicados à cultura.

A escritora Zenaide Pedrosa ressalta a trajetória de Célia Labanca

“Célia como conhecedora da arte e amante da cultura soube valorizar e oferecer o que de melhor conseguia. Implementou no Museu  novos projetos, dando a este a possibilidade de maior conhecimento ao público principalmente aos alunos de escola pública que iam visitá-lo”, ressaltou, em vídeo, a escritora Zenaide Pedrosa, esposa do escritor e membro da Academia Pernambucana de Letras, Olímpio Bonald Neto. No dia 6 de novembro (sexta-feira), a escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, lançará virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas).

Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso será vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800). A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.       

A Procuradora do Estado, Márcia Basto, destaca a coragem da escritora Célia Labanca

“Célia é uma mulher corajosa, ousada que está à frente do seu tempo. (…) Tem uma visão no feminino. Ela denuncia todas as injustiças, a submissão, a violência, todos os preconceitos contra a mulher e conclama que as mulheres assumam o seu lugar na sociedade”, assim define, em vídeo, a escritora e Procuradora Geral do Estado de Pernambuco, Márcia Basto. No dia 6 de novembro (sexta-feira), a escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, lançará virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis gratuitamente para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso será vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800).

A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.       

O presidente da Academia Recifense de Letras, Melchiades Montenegro, fala com afeto sobre a escritora Célia Labanca

O escritor e presidente da Academia Recifense de Letras, Melchiades Montenegro, fala com afeto sobre a amiga e escritora, Célia Labanca, que lançará virtualmente, no dia 6 de novembro (sexta-feira), o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora”  editado pela Companhia Editora de Pernambuco (CEPE, 332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis para leitura no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso será vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800).

A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco, durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé e o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.      

O jornalista Cássio Cavalcante presta depoimento sobre a escritora Célia Labanca

O escritor, jornalista, contista e biógrafo da cantora Nara Leão, Cássio Cavalcante, presta depoimento sobre a escritora Célia Labanca que lançará virtualmente o seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” (CEPE, 332 páginas), no dia 6 de novembro (sexta-feira). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis para leitura no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso será vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800). A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco, durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé, o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros.

Na Mídia – Novo Horizonte

>> Jornal Folha de Pernambuco, coluna Persona, 22.10.2020:
Lourdes Merece – o livro “Sinfonia de Estrelas” da poeta e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento, receberá, em evento online, o Prêmio Carlos Pena Filho concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). A obra recém-lançada tem sido muito elogiada por brasileiros residentes em Paris. Lourdes Sarmento também recebeu da instituição, em 2019, o “Troféu Rosa de Píndaro” por causa da relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional.

>> Jornal do Commercio, Coluna Social1, 22.10.2020:
A poeta e membro da APL Lourdes Sarmento receberá o Prêmio Carlos Pena Filho da União, Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro, amanhã. A premiação deu-se pelo livro Sinfonia de Estrelas, muito bem recebido em Paris.

A jornalista Ariadne Quintella convida para o lançamento da escritora Célia Labanca

A jornalista, escritora e advogada, Ariadne Quintella, convida a todos para o lançamento virtual do novo livro da escritora Célia Labanca “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” (CEPE, 332 páginas) que será realizado no dia 6 de novembro (sexta-feira). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis para leitura no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso será vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800).

Lourdes Sarmento receberá o Prêmio Carlos Pena Filho

No dia 23 de outubro, o livro “Sinfonia de Estrelas” da poeta e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento, receberá, em evento online, o Prêmio Carlos Pena Filho  concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). A obra tem sido muito elogiada por brasileiros residentes em Paris. A poeta também recebeu da UBE-RJ, em 2019, o “Troféu Rosa de Píndaro” por causa da relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional.

Lourdes Sarmento nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui mais de 20 livros publicados e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris.

A escritora Célia Labanca convida para o lançamento virtual do seu novo livro

LANÇAMENTO VIRTUAL – NOVO HORIZONTE:  a escritora, advogada e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco – MAC.PE, Célia Labanca, convida a todos para participarem do lançamento virtual do seu novo livro “DE FRENTE PARA O SOL – 110 obras jornalísticas. Um passeio pelo pensamento da autora” editado pela CEPE – Companhia Editora de Pernambuco (332 páginas). Durante o dia, trechos do livro ficarão disponíveis para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com  e o exemplar impresso será vendido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800). A obra reúne 110 artigos e crônicas da autora veiculados em jornais, internet e revistas do Estado de Pernambuco, durante sete anos, registrados sem ordem cronológica. Os textos compilados assinalam vários temas e tem alguns confessionais que declaram sua fé, o seu desapontamento com as mazelas do país e da condição humana, entre outros

Acadêmica Lourdes Sarmento lança “Sinfonia de Estrelas”

>> Leia o livro “Sinfonia de Estrelas”: CLIQUE AQUI

>> Compre o exemplar do livro impresso na Livraria Varejão do Estudante pelo link:
https://www.varejao.com.br/Livro/1039495/SINTONIA-DE-ESTRELAS
(Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800).

A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora,  jornalista e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento, lança virtualmente o seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte, 80 páginas). A obra encontra-se disponível para leitura (CLIQUE AQUI) e o exemplar impresso pode ser adquirido na Livraria Varejão do Estudante (Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE) pelo telefone: 81. 2123.5800 ou pelo site: https://www.varejao.com.br/…/1039495/SINTONIA-DE-ESTRELAS

TROFÉU ROSA DE PÍNDARO – Lourdes Sarmento (centro) ao lado dos escritores Edir Meireles e Márcia Barroca,
presidente da UBE/RJ, na festa de cerimônia.

O livro também faz um registro especial com textos e fotos da festa de cerimônia do “Troféu Rosa de Píndaro” concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). Seu nome foi escolhido para receber a honraria pela relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional. O prêmio foi entregue pela poeta Márcia Barroca, presidente da UBE-RJ, no dia 30 de outubro de 2019, no auditório da Academia Brasileira de Letras.

“Receber o Troféu Rosa de Píndaro do Príncipe dos poetas da Grécia, antes de Cristo, é algo emocionante. O momento é de regozijo. Outra parte de mim é reflexão, é o gesto de entrar no âmago do meu ser e tentar compreender a grande responsabilidade que mais uma vez se faz presente no meu itinerário, como operária da palavra e responsável pela harmonia, compreensão e paz entre os meus pares”, ressalta Lourdes ao agradecer a homenagem. Em discurso realizado durante a festa de cerimônia,  o escritor e membro da UBE-RJ, Edir Meireles, destaca a relevante trajetória literária da autora: “Sem dúvida, Lourdes Sarmento é um dos nomes mais respeitados entre os intelectuais do revolucionário Estado de Pernambuco. (…) Merece todas as homenagens e o Troféu Rosa de Píndaro simboliza o reconhecimento da União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro. Poeta de Pernambuco, do Brasil e do mundo. Poeta com P maiúsculo, digna de nossa ovação”.

A poeta Lourdes Sarmento na cerimônia de entrega do Troféu Rosa de Píndaro, no auditório da Academia Brasileira de Letras.

“(…) Lourdes Sarmento é exemplo. Delicada. Afável. Generosa. Paciente. Fiel. Humanitária. Poderia ter-se dedicado à faina aristocrática do seu barco: filantropia, chás beneficentes no casarão das Graças, em meio a clássico mobiliário, baixelas e cristais. Caminhando “pela Rua das Pernambucanas/ com o roteiro do sol/ nas mãos”, preferiu a luta. Mexer o caldeirão social. Prudente, quanto à tradição de família, mas intuitiva e inteligente fez reportagens, crônicas de agravo e desagravo, poesia social e lírica”, afirmou o escritor, Cyl Galindo, poeta, jornalista, presidente da Casa de Pernambuco em Brasília e membro da Academia Pernambucana de Letras.

>> LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 27 livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris. 

A presidente da UBE-RJ, Márcia Barroca, fala do prêmio concedido à poeta Lourdes Sarmento

A escritora e presidente da União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ), Márcia Barroca, fala do prêmio concedido à poeta Lourdes Sarmento que lançará virtualmente o seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte) na próxima sexta-feira, dia 2. Durante o dia, a obra ficará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook, no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com e será vendida na Livraria Varejão do Estudante pelo telefone: 81. 2123.5800 ou na Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. O livro também faz um registro especial com textos e fotos da festa de cerimônia do “Troféu Rosa de Píndaro” concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). Seu nome foi escolhido para receber a honraria pela relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional. O prêmio foi entregue pela poeta Márcia Barroca, presidente da UBE-RJ, no dia 30 de outubro de 2019, no auditório da Academia Brasileira de Letras.

A escritora Fátima Quintas presta depoimento sobre a poeta Lourdes Sarmento

A escritora, antropóloga e membro da Academia Pernambucana de Letras, Fátima Quintas, presta depoimento sobre a poeta Lourdes Sarmento que lançará virtualmente o seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte) na próxima sexta-feira, dia 2. Durante o dia, a obra ficará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook, no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com e será vendida na Livraria Varejão do Estudante pelo telefone: 81. 2123.5800 ou na Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE.

Na Mídia – Novo Horizonte

JORNAL FOLHA DE PERNAMBUCO, 30.09.2020: A poeta e membro da APL, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente o seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte), na próxima sexta-feira (2), no site: www.edicoesnovohorizonte.com A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante pelo telefone: 81. 2123.5800 ou na Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE.

A escritora, professora e editora, Lourdes Nicácio, apresenta o novo livro da poeta Lourdes Sarmento

A escritora, professora e editora, Lourdes Nicácio, apresenta  o novo livro da premiada poeta e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento, “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte, 80 páginas). A obra será lançada virtualmente, no dia 2 de outubro (sexta-feira),  com vendas dos exemplares na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível para leitura, em formato ebook, no site: www.edicoesnovohorizonte.com

O livro também faz um registro especial com textos e fotos da festa de cerimônia do “Troféu Rosa de Píndaro” concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). Seu nome foi escolhido para receber a honraria pela relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional.

>>  SOBRE LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 27 livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris

Presidente de honra da UBE-RJ, Edir Meirelles, fala sobre o prêmio concedido à poeta Lourdes Sarmento

O presidente de honra da União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ), Edir Meirelles, fala em vídeo sobre o poeta Píndaro, a escritora Stella Leonardos e o prêmio Rosa de Píndaro concedido à escritora Lourdes Sarmento no dia 30 de outubro de 2019, no auditório da Academia Brasileira de Letras. No dia 2 de outubro (sexta-feira), a premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente o seu novo livro “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte, 80 páginas). A obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível para leitura, em formato ebook, no site: www.edicoesnovohorizonte.com

O livro também faz um registro especial com textos e fotos da festa de cerimônia do “Troféu Rosa de Píndaro” concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). Seu nome foi escolhido para receber a honraria pela relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional.

     >>  SOBRE LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 27 livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris. 


Lourdes Sarmento lançará seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas”

A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, lançará virtualmente, no dia 2 de outubro (sexta-feira), o seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte, 80 páginas). A partir desse dia, obra será vendida na Livraria Varejão do Estudante e estará disponível gratuitamente para leitura, em formato ebook, no site: www.edicoesnovohorizonte.com

O livro também faz um registro especial com textos e fotos da festa de cerimônia do “Troféu Rosa de Píndaro” concedido pela União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro (UBE-RJ). Seu nome foi escolhido para receber a honraria pela relevância do conjunto da obra publicada pela escritora de âmbito nacional e internacional. O prêmio foi entregue pela poeta Márcia Barroca, presidente da UBE-RJ, no dia 30 de outubro de 2019, no auditório da Academia Brasileira de Letras.

TROFÉU ROSA DE PÍNDARO – Lourdes Sarmento (centro) ao lado dos escritores Edir Meireles e Márcia Barroca, presidente da UBE/RJ, na festa de cerimônia.

“Receber o Troféu Rosa de Píndaro do Príncipe dos poetas da Grécia, antes de Cristo, é algo emocionante. O momento é de regozijo. Outra parte de mim é reflexão, é o gesto de entrar no âmago do meu ser e tentar compreender a grande responsabilidade que mais uma vez se faz presente no meu itinerário, como operária da palavra e responsável pela harmonia, compreensão e paz entre os meus pares”, ressalta Lourdes ao agradecer a homenagem. Em discurso realizado durante a festa de cerimônia,  o escritor e membro da UBE-RJ, Edir Meireles, destaca a relevante trajetória literária da autora: “Sem dúvida, Lourdes Sarmento é um dos nomes mais respeitados entre os intelectuais do revolucionário Estado de Pernambuco. (…) Merece todas as homenagens e o Troféu Rosa de Píndaro simboliza o reconhecimento da União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro. Poeta de Pernambuco, do Brasil e do mundo. Poeta com P maiúsculo, digna de nossa ovação”.

TROFÉU ROSA DE PÍNDARO – Lourdes Sarmento com Luiz Otávio Oliani, Márcia Barroca e Eurídice Hespanhol

“(…) Lourdes Sarmento é exemplo. Delicada. Afável. Generosa. Paciente. Fiel. Humanitária. Poderia ter-se dedicado à faina aristocrática do seu barco: filantropia, chás beneficentes no casarão das Graças, em meio a clássico mobiliário, baixelas e cristais. Caminhando “pela Rua das Pernambucanas/ com o roteiro do sol/ nas mãos”, preferiu a luta. Mexer o caldeirão social. Prudente, quanto à tradição de família, mas intuitiva e inteligente fez reportagens, crônicas de agravo e desagravo, poesia social e lírica”, afirmou o escritor, Cyl Galindo, poeta, jornalista, presidente da Casa de Pernambuco em Brasília e membro da Academia Pernambucana de Letras.
>>  SOBRE LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife-PE, é poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista editada por Vericuetos/ Chemins Scabreux, em Paris. É membro de várias Academias e instituições como a Academia Pernambucana de Letras.  Possui 27 livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington, Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris. 

9 anos do Site Domingo com Poesia e publicação de entrevista com a escritora Lourdes Nicácio

O poeta e editor do Domingo com Poesia,
Natanael Lima Jr.

Em 2011, o site Domingo com Poesia (www.domingocompoesia.com.br) foi criado pelo poeta e editor, Natanael Lima Jr. É considerado pela crítica especializada a mais importante plataforma do gênero literário de Pernambuco. Há 9 anos, o site circula semanalmente e traz entrevistas, artigos, colunas, eventos literários, entre outros destaques. Recebeu dois prêmios nacionais “Topblog Brasil”, 2012/2013.  
     São mais de 500 nomes arquivados na plataforma do site. É só clicar no link, e pesquisar nomes como Manuel Bandeira, Carlos Pena Filho, João Cabral de Melo Neto, Audálio Alves, Celina de Holanda, Alberto da Cunha Melo, entre outros.
     “Inicialmente criei um blog com o mesmo nome para divulgar minhas produções literárias, depois surgiu o site. O site hoje abriga um dos mais ricos acervos da literatura pernambucana e brasileira. O prêmio Topblog Brasil é a principal premiação do gênero nacional. Participam blogs de todos os gêneros. Nós ficamos em segundo lugar, dentre os mais de 20 mil blogs de todo o país, no gênero literatura. São premiados os três melhores blogs inscritos, através de júri técnico e votação popular”, afirma o idealizador do site, Natanael Lima Jr.
O site publicou uma entrevista com a escritora, professora e editora das Edições Novo Horizonte, Lourdes Nicácio, que fala sobre sua trajetória literária e incentiva novos autores à realização dos seus sonhos. Leia a entrevista na íntegra no link: http://www.domingocompoesia.com.br/2020/09/entrevista-com-escritora-lourdes-nicacio.html

A escritora Maria de Lourdes Hortas.


A entrevista, exclusiva para o Domingo com Poesia,  foi concedida à escritora, Maria de Lourdes Hortas que nasceu em São Vicente da Beira, Portugal; ganhou vários prêmios literários, entre os quais o do Secretariado Nacional de Informação, Lisboa, pelo livro “Aromas da Infância”, 1964; fez parte do Conselho Editorial do Jornal Literário Cultura & Tempo (1981/1983), e da Revista Pirata Edições (1983/1984); foi, durante várias gestões, diretora cultural do Gabinete Português de Leitura de Pernambuco; tem 11 livros de poesia publicados; bacharel em Direito pela UFPE (1964) e licenciada em Letras pela FAFIRE (1976); organizou várias antologias, entre elas, Palavra de mulher e Poesia feminina brasileira contemporânea (1979); A cor da onda por dentro (poesia para crianças); Poetas portugueses contemporâneos (1985). Como ficcionista publicou os romances Adeus Aldeia, Diário das chuvas e Caixa de retratos, este último traduzido e publicado em Buenos Aires (2008). 

Lourdes Nicácio Silva é professora, escritora, poeta, editora. Formação em Letras com Pós-Graduação. Seus livros, estudados nas escolas e universidades, renderam prêmios em Pernambuco e no Rio de Janeiro, homenagens e atividades como peças de teatro na Faculdade São Miguel e monografia na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), além de Troféu no I Congresso de Literatura Brasileira/Secretaria de Educação de Pernambuco.  Foi homenageada pela Associação de Imprensa de Pernambuco com o Diploma Mulheres que Mudaram a História de Pernambuco e em 2015, com o Troféu Mulher Valorosa do Brasil pela Academia de Letras e Artes do Nordeste – Alagoas.

Livros publicados: “O Lavrador e o Templo”, “Cantos da Ordem do Sol”, “Ritmo das Águas Vivas”, “Ocultos na Paisagem” (poesia), “Almeida Cunha” (ensaio), “O Rio, Canabrava e os Homens” (contos), “Os caminhos da Palavra” (gramática e literatura), “Sobreviventes” (contos), “Caminho das Águas ao Sol” (poesia) e “Os dois mundos  de  Madalena”, romance adotado pela Rede Pública de Pernambuco/ Secretaria de Educação do Estado. Organizou a obra completa do poeta Audálio Alves e a do professor João Suassuna de Melo Sobrinho, além de várias antologias com outros autores.
Votos de Congratulações: da Assembleia Legislativa de Pernambuco, do Conselho Municipal de Cultura e da Academia Pernambucana de Letras. Idealizou e coordenou, em parceria com a acadêmica Maria do Carmo Barreto Campello de Melo,  o Programa  Academia Escolas da Academia Pernambucana de Letras (1982-1990).

Raphaela Nicácio
Raphaela Nicácio

É escritora, jornalista, professora, editora das Edições Novo Horizonte. Graduada em Jornalismo pelas Faculdades Integradas Barros Melo (AESO) e em Letras – Habilitação em Língua Portuguesa pela Universidade Estácio de Sá, pós-graduada em Jornalismo Cultural pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP).

A jornalista Ariadne Quintella lança a “Antologia em prosa e verso”

>> Leia as 20 primeiras páginas do livro: CLIQUE AQUI

>> Compre o livro no site da Livraria Varejão do Estudante: https://www.varejao.com.br/Livro/1039052/ANTOLOGIA-EM-PROSA-E-VERSO
(Av. Manoel Borba, 292, Boa Vista, Recife-PE. Tel.: 81. 2123.5800)

>> Link para Live no dia 28 de agosto, às 20h: meet.google.com/eho-fyot-phx

A obra reúne contos, crônicas, artigos, perfis, poemas e críticas literárias de autoria de Ariadne Quintella com depoimentos dos escritores: Ângelo Monteiro, Antônia Campos, Cássio Cavalcante, Lourdes Sarmento, Maluma Marques, Zélia Monte, entre outros. “Nesse livro antologia, são destacados, ainda, pela autora o turismo, o memorialismo, patrimônios pernambucanos, os ciclos junino, carnavalesco e natalino, além de análises críticas e outras produções de acentuado tom biográfico e social”, ressalta a organizadora da obra, Lourdes Nicácio. No final do livro, há uma valiosa memória fotográfica com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos; eventos literários e registros do  último lançamento do seu livro ‘Boa tarde (Crônicas Escolhidas)”.

“O trato jornalístico com as circunstâncias que costumam envolver as coisas do nosso dia a dia, Ariadne Quintella, por meio do saudoso Diário da Noite, fez de sua crônica cotidiana, sob o título de Boa tarde”, afirmou o poeta e membro da Academia Pernambucana de Letras, Ângelo Monteiro, ao se referir à coluna “BOA TARDE” assinada por Ariadne Quintella, no Jornal Diário da Noite, entre os anos de 1965 a 1977. Ariadne Quintella é pernambucana, formada em Jornalismo e Direito pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), pós-graduação em Literatura Brasileira e Artes pela Universo e em Diplomacia pela Faculdade Damas, com vários cursos de extensão. Com mais de 40 anos de profissão, Ariadne foi, por muitos anos, no Jornal Diário da Noite, repórter, pauteira, colunista, cronista, redatora e editora, inclusive tendo exercido a Editoria Geral desse veículo. Depois no Jornal do Commercio (JC), foi redatora e editora de Turismo.

Atuou no Movimento de Cultura Popular, foi professora, empregada da Sudene. Trabalhou nos jornais da Semana, da Cidade e Diario de Pernambuco, revistas Veja e Realidade. Foi chefe do Setor de Imprensa da Fundação Joaquim Nabuco. Atualmente, trabalha como revisora na Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). É membro da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), da Academia Recifense de Letras, Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro, Academia de Letras do Brasil, Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil (AJEB-PE), entre outras instituições.

Na Mídia – Novo Horizonte

>> Jornal Diario de Pernambuco, Caderno: Viver, 26.08.2020:

Contos e crônicas da nossa terra
Ariadne Quintella lança Antologia em prosa e verso, livro onde destaca patrimônios, festas e o cotidiano dos pernambucanos, com tons biográficos e sociais

Ariadne Quintella lançará, na sexta-feira, o livro Antologia em prosa e verso (Edições Novo Horizonte, 192 páginas). Com organização de Lourdes Nicácio e impressão da Cepe Editora, a publicação reúne contos, crônicas, artigos, perfis, poemas e críticas literárias escritos por Quintella ao longo da carreira, com depoimentos de escritores como Ângelo Monteiro, Cássio Cavalcante, Maluma Marques e Zélia Monte. O lançamento será às 20h, em live na plataforma Google Meet.No mesmo dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site das Edições Novo Horizonte (www.edicoesnovohorizonte.com) e estará à venda na Livraria Varejão do Estudante.

“Eu tive a oportunidade de ter uma coluna de crônicas, onde escrevi por mais de cinco anos. Mesmo depois que deixei o jornalismo ao me aposentar, continuei buscando fontes, para quem escrever ou onde escrever. Meus amigos sempre me procuraram pedindo artigos”, diz Ariadne, de 80 anos. “Nessa antologia, são destacados pela autora o turismo, o memorialismo, patrimônios pernambucanos e os ciclos junino, carnavalesco e natalino, além de análises críticas e outras produções de acentuado tom biográfico e social”, ressalta Lourdes Nicácio. A obra também conta com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos, em eventos literários e também com registros do último lançamento do seu livro, Boa tarde.Ariadne é formada em jornalismo e direito pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), com pós-graduação em literatura brasileira e artes pela Universo e diplomacia pela Faculdade Damas. Com mais de 40 anos de atuação no jornalismo, ela também passou pelo Diario e veículos como Jornal do Commercio, Veja e Realidade

A premiada poeta Lourdes Sarmento presta depoimento sobre a escritora Ariadne Quintella

A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora,  jornalista e membro da Academia Pernambucana de Letras, Lourdes Sarmento, presta depoimento sobre a escritora Ariadne Quintella: 

“No fio do labirinto, Ariadne Quintella vai tecendo textos de memórias vivas, destacando figuras do nosso Folclore nordestino, como por exemplo Lia de Itamaracá. E nesta grande ciranda da vida, a escritora não esquece a preservação do meio ambiente. Ariadne levanta uma bandeira de lutas pela fauna e flora, do nosso Brasil; tão rico de bênçãos e tão sofrido pela falta de um planejamento exato.
     De uma luz depois do túnel, na consciência administrativa, em prol de dias melhores para o nosso país, com suas diversidades. Para tais assuntos, Ariadne é mestra, viajando com a turma da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo, observando cada cidade, com o olhar focado em Pernambuco. Olhar para seu rio Capibaribe banhando muitas vezes as ruas ribeirinhas.  Com o lirismo que, também, é peculiar a destacada cronista do cotidiano e dos sentimentos, mergulha no universo das emoções e das lembranças vividas e fala lindamente sobre pessoas, saudades, desejos, sonhos que transitam no universo feminino. Sem perder a força da jornalista e da escritora que conquista os seus leitores, ávidos de notícias. Assim é Ariadne Quintella, artesã da palavra e de voos de borboletas em tardes recifenses”.

LANÇAMENTO VIRTUAL – No dia 28 de agosto (sexta-feira), a escritora, jornalista e advogada, Ariadne Quintella, lançará virtualmente o seu novo livro “Antologia em prosa e verso” (Edições Novo Horizonte, 192 páginas) com  a realização de uma LIVE pelo Google Meet. O acesso é pelo link: meet.google.com/eho-fyot-phx A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e  ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

NA MÍDIA – EDIÇÕES NOVO HORIZONTE

>> JORNAL DO COMMERCIO. JC+. COLUNA ESCRITA. 25.08.2020:
Ariadne Quintella lança antologia
A jornalista e escritora Ariadne Quintella reuniu contos, crônicas, poemas, perfis e artigos para compor sua Antologia em Prosa e Verso, que será lançada virtualmente na próxima sexta-feira (28), pelas Edições Novo Horizonte. Com apresentação de Lourdes Sarmento, Lourdes Nicácio e Maluma Marques, o livro apresenta ainda causos pessoais vividos por Ariadne durante seus 40 anos de atuação enquanto jornalista — inclusive tendo atuado neste Jornal do Commercio cobrindo e editando Turismo. No dia do lançamento, o livro será disponibilizado para leitura no site da editora.

A escritora Bernadete Bruto fala com afeto sobre a amiga jornalista Ariadne Quintella

A escritora Bernadete Bruto fala com carinho da amiga jornalista Ariadne Quintella que estará lançando virtualmente o seu  novo livro  “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte), na próxima sexta-feira, dia 28 de agosto. Ariadne fará uma LIVE, às 20h, pelo Google Meet, no link: meet.google.com/eho-fyot-phx Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site das Edições Novo Horizonte: www.edicoesnovohorizonte.com e estará à venda na Livraria Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.

A escritora Telma Brilhante ressalta a trajetória da jornalista Ariadne Quintella

A escritora Telma Brilhante  ressalta a trajetória da jornalista Ariadne Quintella que lançará virtualmente o seu novo livro “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte), amanhã, sexta-feira, dia 28 de agosto, às 20h, com a realização de uma LIVE pelo Google Meet. O acesso é pelo link: meet.google.com/eho-fyot-phx A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet. Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: http://www.edicoesnovohorizonte.com

A antologia reúne contos, crônicas, ensaios e poemas de autoria de Ariadne Quintella com depoimentos dos escritores: Ângelo Monteiro, Antônia Campos, Cássio Cavalcante, Lourdes Sarmento, Maluma Marques, Zélia Monte, entre outros. No final do livro, há uma valiosa memória fotográfica com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos, eventos literários e registros do último lançamento do seu livro “Boa tarde (Crônicas Escolhidas)”.

A editora e profa. Lourdes Nicácio faz uma análise sobre o novo livro da escritora Ariadne Quintella

A escritora, professora e editora, Lourdes Nicácio, faz uma apresentação e uma análise em torno do novo livro da escritora Ariadne Quintella: “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte).  No dia 28 de agosto (sexta-feira), às 20h, será lançado virtualmente com a realização de uma LIVE  pelo Google Meet. Segue o link para acessar: meet.google.com/eho-fyot-phx
     A obra foi organizada por  Lourdes Nicácio e  ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com
     A antologia reúne contos, crônicas, ensaios e poemas de autoria de Ariadne Quintella com depoimentos dos escritores: Ângelo Monteiro, Antônia Campos, Cássio Cavalcante, Lourdes Sarmento, Maluma Marques, Zélia Monte, entre outros. No final do livro, há uma valiosa memória fotográfica com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos, eventos literários e registros do  último lançamento do seu livro “Boa tarde (Crônicas Escolhidas)”. Ariadne Quintella é pernambucana, formada em Jornalismo e Direito pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), pós-graduação em Literatura Brasileira e Artes pela Universo e em Diplomacia pela Faculdade Damas, com vários cursos de extensão. Atuou no Diario da Noite e no Jornal do Commercio. Foi chefe do Setor de Imprensa da Fundação Joaquim Nabuco. Atualmente, trabalha como revisora na Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). É membro da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), da Academia Recifense de Letras, Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro, Academia de Letras do Brasil, Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil (AJEB-PE), entre outras instituições.

Poema “Dilúvio” de Lourdes Nicácio vira canção com produção de Renato Soares e Swami Jr.

    O renomado músico Swami Jr. foi o intérprete e coautor da canção

    O cancionista, produtor e CEO da Afrodite Produções, Renato Soares, presta homenagem especial à escritora Lourdes Nicácio produzindo uma música para o poema “Dilúvio” publicado no livro da autora: “Caminhos das Águas ao Sol” (Edições Novo Horizonte, 2018). A canção é de Renato Soares numa coautoria com o respeitável músico, arranjador e contrabaixista,  Swami Jr. que foi o intérprete da canção e já trabalhou com consagrados nomes da MPB: Chico César, Zizi Possi, Elba Ramalho, Daniela Mercury, Zeca Baleiro, Zélia Ducan, Vanessa da Mata, entre outros. (Instagram de Swami Jr.: @swamijr.oficial). A edição do vídeo foi feita por Kevin Marques.

    “A parceria com  Swami Jr. nessa canção pode trazer mais brilho para a homenagem que quero prestar à  obra de Lourdes Nicácio e Silva, em especial, por sua poesia tão espiritualizada. O single ‘Dilúvio’ é um mimo para uma poeta que conheço desde os tempos do colégio Ginásio Pernambuco. Essa não é a primeira vez que trabalho com música e poesia. Lembro que Lourdes era professora e coordenadora do ‘Programa Ginásio Pernambucano: seus autores e suas obras’. Fazíamos recitais e tantas coisas na Associação dos Amigos da Biblioteca”, afirma Renato Soares.

    Para Lourdes Nicácio trata-se de um dos mais louváveis e surpreendentes reconhecimentos à sua poesia. “Sinto o Dilúvio, que agora ganha uma nova expressão, a musical, como uma convocação mais crescente em direção ao sol. Fiquei emocionada com todo o desempenho desse produtor – ressaltem-se o perfeccionismo e o entrosamento com artistas de alto nível, a exemplo de Swami Jr.,  entre outros. Bem, uma das minhas maiores alegrias, entretanto, foi a de ter merecido tamanha homenagem por um dos meus ex-alunos, o Renato Soares, o que considero um reencontro dos mais felizes com o Velho Ginásio Pernambucano. Muito obrigada a todos que participaram desse valoroso projeto!”, destaca Lourdes Nicácio.

    RENATO SOARES é bacharel em física pela Universidade de São Paulo (USP), ensinou matemática e lógica na Universidade Paulista Unip, antes de passar uma temporada  no Banco Inter-americano de Desenvolvimento em Washington DC. Trabalhou para a Secretaria de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda como matemático nos acordos diplomáticos na OCDE em Paris. Atualmente é CEO da Afrodite Produções e trabalha como consultor internacional com projetos no Brasil e na Argentina.
    >> Contato pelo Instagram: @renatosoaressiqueira

    LOURDES NICÁCIO é professora, escritora, poeta, editora. Formação em Letras com pós-graduação. Seus livros, estudados nas escolas e universidades, renderam prêmios em Pernambuco e no Rio de Janeiro; homenagens e atividades como peças de teatro na Faculdade São Miguel e monografia na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), além de Troféu no I Congresso de Literatura Brasileira/ Secretaria de Educação de Pernambuco.  Foi homenageada pela Associação de Imprensa de Pernambuco com o Diploma Mulheres que Mudaram a História de Pernambuco e, em 2015, com o Troféu Mulher Valorosa do Brasil pela Academia de Letras e Artes do Nordeste – Alagoas.
    – Facebook de Lourdes Nicácio: https://www.facebook.com/lourdes.nicacio.35
    – Instagram: @lourdes.nicacio.35
           

    Livros publicados: “O Lavrador e o Templo”, “Cantos da Ordem do Sol”, “Ritmo das Águas Vivas”, “Ocultos na Paisagem” (poesia), “Almeida Cunha” (ensaio), “O Rio, Canabrava e os Homens” (contos), “Os caminhos da Palavra” (gramática e literatura), “Sobreviventes” (contos), “Caminhos das Águas ao Sol” (poesia) e “Os dois mundos  de  Madalena”, romance adotado pela Rede Pública de Pernambuco/ Secretaria de Educação do Estado. Organizou a obra completa do poeta Audálio Alves e a do professor João Suassuna de Melo Sobrinho, além de várias antologias com outros autores e editar a revista de Literatura Novo Horizonte. 
           Votos de Congratulações: da Assembleia Legislativa de Pernambuco, do Conselho Municipal de Cultura e da Academia Pernambucana de Letras. Idealizou e coordenou, em parceria com a acadêmica Maria do Carmo Barreto Campello de Melo,  o Programa  Academia/Escolas da Academia Pernambucana de Letras (1982-1990).

    A escritora Ivanilde Morais de Gusmão recita o poema “O Beberibe” de autoria de Ariadne Quintella

    A professora e escritora, considerada uma das maiores estudiosas da obra do pensador Karl Marx, Ivanilde Morais de Gusmão, recita o poema “O Beberibe” de autoria da escritora Ariadne Quintella que lançará virtualmente o seu  novo livro  “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte). No dia 28 de agosto (sexta-feira), às 20h, Ariadne fará uma LIVE pelo Google Meet. Para participar é só acessar o link: meet.google.com/eho-fyot-phx
    A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e  ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

    A escritora Zélia Monte fala em tom saudoso a respeito da autora Ariadne Quintella

    A escritora Zélia Monte fala em tom saudoso a respeito da autora Ariadne Quintella que estará lançando virtualmente o seu  novo livro  “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte). No dia 28 de agosto (sexta-feira), às 20h, Ariadne fará uma LIVE pelo Google Meet. É só acessar pelo link: meet.google.com/eho-fyot-phx
    A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e  ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

    A escritora e psicóloga, Lúcia Sousa, ressalta a trajetória literária de Ariadne Quintella

    A escritora e psicóloga, Lúcia Sousa, ressalta a trajetória literária da escritora Ariadne Quintella que estará lançando virtualmente o seu  novo livro  “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte). No dia 28 de agosto (sexta-feira), às 20h, Ariadne fará uma LIVE pelo Google Meet. É só acessar pelo link: meet.google.com/eho-fyot-phx
    A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e  ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

    O escritor e professor, Marcos Carneiro, enaltece a amiga escritora Ariadne Quintella

    O escritor e professor, Marcos Carneiro, presta depoimento sobre a amiga escritora Ariadne Quintella que estará lançando virtualmente o seu novo livro “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte). No dia 28 de agosto (sexta-feira), às 20h, Ariadne fará uma LIVE pelo Google Meet. É só acessar pelo link: meet.google.com/eho-fyot-phx
    A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet. Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com
    A antologia reúne contos, crônicas, ensaios e poemas de autoria de Ariadne Quintella com depoimentos dos escritores: Ângelo Monteiro, Antônia Campos, Cássio Cavalcante, Lourdes Sarmento, Maluma Marques, Zélia Monte, entre outros. No final do livro, há uma valiosa memória fotográfica com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos, eventos literários e registros do último lançamento do seu livro “Boa tarde (Crônicas Escolhidas)”.

    O acadêmico Ângelo Monteiro presta depoimento sobre a escritora Ariadne Quintella

    O poeta, ensaísta, filósofo e acadêmico, Ângelo Monteiro, presta depoimento sobre a escritora Ariadne Quintella:

    “Foi sempre intensa a participação de Ariadne Quintella como jornalista e escritora na imprensa pernambucana. Um pé no jornalismo, e outro na literatura, ela sempre manteve um produtivo contacto com essas duas formas de linguagem. Daí porque, além dos artigos e crônicas publicadas no extinto Diário da Noite — onde manteve uma coluna permanente entre os anos de 1965 e 1977 — deu à publicação obras como Boa tarde (crônicas escolhidas) e Revisitação da estética barroca na poesia religiosa de Ângelo Monteiro, uma preciosa monografia do curso de pós graduação em Literatura e Arte pela Universo. Esta última, por acaso, constitui o primeiro título publicado sobre minha escrita poética até agora. Seu mais recente livro se intitula Antologia em prosa e verso, e será lançado virtualmente. Ariadne Quintella, dessa forma, permanece em constante atividade quer como jornalista, quer como escritora, com seu próprio estilo e sua graça pessoal. Graça que, segundo o mito grego, nunca faltou a Ariadne, já que ela foi responsável pelo fio que ajudou a Teseu sair, sem perigo, do labirinto em que habitava o Minotauro”.

    No dia 28 de agosto (sexta-feira), a escritora, jornalista e advogada, Ariadne Quintella, lançará virtualmente o seu novo livro “Antologia em prosa e verso” (Edições Novo Horizonte, 192 páginas) com organização da escritora Lourdes Nicácio e impressão realizada pela Cepe. Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com e estará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet. A obra reúne contos, crônicas, ensaios e poemas de autoria de Ariadne Quintella com depoimentos dos escritores: Ângelo Monteiro, Antônia Campos, Cássio Cavalcante, Lourdes Sarmento, Maluma Marques, Zélia Monte, entre outros. No final do livro, há uma valiosa memória fotográfica com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos, eventos literários e registros do  último lançamento do seu livro “Boa tarde (Crônicas Escolhidas)”.

    >> SOBRE ARIADNE QUINTELLA:  é pernambucana, formada em Jornalismo e Direito pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), pós-graduação em Literatura Brasileira e Artes pela Universo e em Diplomacia pela Faculdade Damas, com vários cursos de extensão. Atuou no Diario da Noite e no Jornal do Commercio. Foi chefe do Setor de Imprensa da Fundação Joaquim Nabuco. Atualmente, trabalha como revisora na Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). É membro da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), da Academia Recifense de Letras, Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro, Academia de Letras do Brasil, Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil (AJEB-PE), entre outras instituições.

    O jornalista Cássio Cavalcante fala da amiga escritora Ariadne Quintella

    O escritor e jornalista, Cássio Cavalcante, fala com carinho da amiga escritora Ariadne Quintella que estará lançando virtualmente o seu  novo livro  “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte), no dia 28 de agosto (sexta-feira). A obra foi organizada pela editora Lourdes Nicácio e  ficará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

    No vídeo acima, Antônia Campos, recita o poema em homenagem a Ariadne Quintella

    No vídeo acima, Antônia Campos recita o poema “Luminosidade” de sua autoria em homenagem a Ariadne Quintella.

    A escritora Antônia Campos recebeu  com orgulho  a “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte) de autoria da escritora Ariadne Quintella com organização da editora Lourdes Nicácio e impressão realizada pela Cepe. A obra será lançada virtualmente no dia 28 de agosto (sexta-feira) e  estará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com

    A jornalista Maluma Marques fala sobre o novo livro de Ariadne Quintella

    A escritora e jornalista, Maluma Marques, presta depoimento especial sobre a “Antologia em Prosa e Verso” (Edições Novo Horizonte) de autoria da escritora Ariadne Quintella com organização da editora Lourdes Nicácio e impressão realizada pela Cepe. A obra será lançada virtualmente no dia 28 de agosto (sexta-feira) e  estará à venda na Livraria do Varejão do Estudante com a opção de compra pela internet.  Durante o dia, parte do livro ficará disponível para leitura no site: www.edicoesnovohorizonte.com
           A antologia reúne contos, crônicas, ensaios e poemas de autoria de Ariadne Quintella com depoimentos dos escritores: Ângelo Monteiro, Antônia Campos, Cássio Cavalcante, Lourdes Sarmento, Maluma Marques, Zélia Monte, entre outros. No final do livro, há uma valiosa memória fotográfica com imagens da autora na infância, ao lado de familiares e amigos, eventos literários e registros do  último lançamento do seu livro “Boa tarde (Crônicas Escolhidas)”.

    >> SOBRE ARIADNE QUINTELLA:  é pernambucana, formada em Jornalismo e Direito pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), pós-graduação em Literatura Brasileira e Artes pela Universo e em Diplomacia pela Faculdade Damas, com vários cursos de extensão. Atuou no Diario da Noite e no Jornal do Commercio. Foi chefe do Setor de Imprensa da Fundação Joaquim Nabuco. Atualmente, trabalha como revisora na Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). É membro da União Brasileira de Escritores (UBE/PE), da Academia Recifense de Letras, Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro, Academia de Letras do Brasil, Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil (AJEB-PE), entre outras instituições.

    Novo Horizonte na Mídia

    O Jornal do Commercio do dia 05 de maio de 2020 divulgou a “Antologia Novos Horizontes” organizada pela jornalista Raphaela Nicácio. A coletânea reunirá trabalhos ficcionais ou não com a temática em torno do positivo (amor, gratidão, fé, saúde, esperança, solidariedade, confiança) para um novo planeta que surge após a pandemia. >> LEIA O REGULAMENTO COMPLETO: https://edicoesnovohorizonte.com/noticias/

    Na Mídia – Novo Horizonte

    Reportagem publicada no site do Jornal Diario de Pernambuco: https://www.diariodepernambuco.com.br/noticia/viver/2020/04/antologia-com-autores-pernambucanos-quer-reunir-reflexoes-para-o-pos-p.html

    Alguns historiadores, escritores e intelectuais argumentam que viveremos em um novo mundo após a pandemia da Covid-19. É pensando nisso que a jornalista, escritora e professora pernambucana Raphaela Nicácio idealizou um livro colaborativo com o intuito de inspirar a produção de mensagens de esperanças para esse novo planeta que está prestes a surgir. A Antologia Novos Horizontes pretende reunir textos (em prosa e verso) de vários autores com temáticas positivas – seja gratidão, fé, saúde, esperança, solidariedade ou confiança. Entre os nomes confirmados, estão Fátima Quintas, Ariadne Quintella, Lourdes Sarmento, Jacques Ribemboim, Petrúcia Camelo (Maceió), entre outros. A edição está sendo patrocinada pelos próprios autores. Cada autor pode enviar um texto de no máximo duas páginas (em A4, fonte Times New Roman, espaçamento simples). O regulamento completo, com informações para o envio dos textos, está no site da Edições Novo Horizonte (www.edicoesnovohorizonte.com). Os textos estão sendo aceitos até o dia 15 de junho.


    “Esse período trouxe novos hábitos para a sociedade. O consumismo cedeu lugar a atos generosos. O isolamento social forçado motivou as pessoas a refletirem mais sobre suas existências: o toque, o afeto, os gestos mais simples do cotidiano foram mais valorizados diante da impossibilidade do contato físico”, diz a organizadora Raphaela Nicácio. “O livro é um trabalho que não se esgotará com os exemplares dos livros impressos. A divulgação poderá ser ampliada e propagada, através da imprensa local, no site das Edições Novos Horizonte e nas redes sociais”.


    Raphaela Nicácio é autora do livro infantojuvenil Seu Joaquim e Dona Maria – Os famosos contadores de histórias do Vale do São Francisco (Edições Novo Horizonte). Também organizou com outros autores os livros Antologia das ÁguasLendas do Nordeste e Somos +20 Autores Pernambucanos – Série de Homenagens (Vol. I e Vol. II). A jornalista atuou na comunicação do Tribunal de Contas de Pernambuco, do Colégio Americano Batista, da Biblioteca Pública do Estado e da Academia Pernambucana de Letras, instituição esta que lhe concedeu Diploma de Honra ao Mérito, em 2015, pelos perviços prestados. Recebeu, ainda, o Diploma de Personalidade Pernambucana/Revelação Cultural, pela Associação de Imprensa de Pernambuco – AIP, em 1997.

    Uma homenagem às mulheres

    A escritora e pesquisadora, Ivanilde Morais de Gusmão, fez no dia 13 de março, em Fortaleza – Ceará,  a palestra “Linguagem e Literatura na humanização do homem” dentro da programação da Caravana Cultural da Helvetia. Na ocasião, lançará o seu novo livro “HOMENAGEM ÀS MULHERES – Liberdade, liberdade…, abra o caminho para nós”. A obra faz uma genuína homenagem às mulheres que abriram os caminhos para a liberdade. Mulheres como Olympe de Gouges, Josefina Alvares de Azevedo e Maria Amélia. “A luta dessas mulheres deve servir para que os ecos silenciosos de sua escrita sejam não só uma bandeira pelos direitos e liberdade das mulheres, mas instrumento para a construção da verdadeira sociedade humana ou humanidade social”, ressalta Ivanilde.
         Neste estudo, a autora também apresenta como era feito, naquela época, o formulário, sugerido por Olympe de Gouges, para o contrato social a ser assinado entre homem e mulher. E conclui com um vigoroso poema de sua autoria, “Mulher, árvore da Vida”, em que interpreta a passagem de Adão e Eva do Livro Sagrado do Cristianismo, a Bíblia. Suas considerações traduzem a importância do respeito na construção de um Mundo Humano. “Daí por que, nós Mulheres, precisamos formar uma corrente de ternura, solidariedade e acolhimento para mostrar a todos os Homens que estamos juntas nessa luta pela construção da sociedade humana”, finaliza.




    Lourdes Sarmento em “Sinfonia de Estrelas”

    A escritora Lourdes Sarmento.

    A premiada poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista, Lourdes Sarmento, prepara-se para lançar no próximo mês de abril, com data a definir, o seu novo livro de poemas “Sinfonia de Estrelas” (Edições Novo Horizonte, 80 páginas). A obra faz um registro especial com textos e fotos da festa de cerimônia do Troféu Rosa de Píndaro concedido à autora e entregue pela poeta Márcia Barroca, presidente da UBE-RJ, no dia 30 de março, deste ano.

    “(…) Lourdes Sarmento é exemplo. Delicada. Afável. Generosa. Paciente. Fiel. Humanitária. Poderia ter-se dedicado à faina aristocrática do seu barco: filantropia, chás beneficentes no casarão das Graças, em meio a clássico mobiliário, baixelas e cristais. Caminhando “pela Rua das Pernambucanas/ com o roteiro do sol/ nas mãos”, preferiu a luta. Mexer o caldeirão social. Prudente, quanto à tradição de família, mas intuitiva e inteligente fez reportagens, crônicas de agravo e desagravo, poesia social e lírica”, afirmou Cyl Galindo, poeta, escritor, jornalista, Presidente da Casa de Pernambuco em Brasília, membro da Academia Pernambucana de Letras.
        >>  SOBRE LOURDES SARMENTO: nasceu no Recife, Pernambuco, Brasil. Poeta, contista, cronista, pesquisadora e jornalista é editada por Vericuetos / Chemins Scabreux, em Paris. Possui 27 livros publicados  e participação em mais de 130 antologias nacionais e internacionais, tendo trabalhos literários e jornalísticos apresentados em Washington,Miami (USA), Lima (Peru), Lisboa (Portugal) e na cidade do México, Buenos Aires (Argentina). Organizou a antologia Poésie du Brésil, publicada em Paris, 1997. Segundo a professora Anne-Marie Quint, da Sorbonne, foi o primeiro livro sobre poesia brasileira publicado em Paris, após trinta anos de silêncio. A referida obra foi catalogada pela Fundação Gulbenkien e, oficialmente, colocada na Internet, pela  Embaixada do Brasil, em Paris. 

    Ariadne Quintella – Antologia em prosa e verso

    “Muitos dos poemas aqui publicados valem como sínteses ou apresentações de blocos temáticos – ressaltem-se exemplos que destacam o turismo, o memorialismo, os ciclos junino, natalino e carnavalesco, a valorização da leitura, perfis, patrimônios pernambucanos, além de análises críticas e outras produções com acentuado tom biográfico e social. Todos com elaborações  que bem definem o seu prestígio no mundo literário”, ressalta a editora do livro, Lourdes Nicácio. A escritora e jornalista, Ariadne Quintellla, lançará, em breve, com data a definir o seu novo livro “Antologia em prosa e verso” (Edições Novo Horizonte, 191 páginas). O trabalho reúne textos escritos pela autora como contos, crônicas, poemas, artigos e outros gêneros literários.

    Biografia de Nelson Brandão

    Será lançada em breve a biografia “Viver é ter histórias para contar – Nelson Brandão” com texto e organização da jornalista Raphaela Nicácio (Edições Novo Horizonte, 108 páginas). Nelson Brandão é membro da Academia de Letras do Brasil – ALB e da União Brasileira de Escritores (UBE). Nasceu no município de Palmares, Pernambuco.  Mudou-se, aos 2 anos de idade, para o Engenho Massaranduba, onde enfrentou, àquela época, as adversidades de um ambiente sem luz elétrica, água encanada, assistência médica e outros desafios proporcionados pela vida rural e distante dos grandes centros. Por outro lado, o canavial, a casa-grande, banhos de rio, animais pastando, toda a energia saudável do campo e disso ele soube alimentar-se muito bem.

    Nelson movido pela paixão à leitura, desde cedo, escreveu seus primeiros versos rimados sob a influência dos cantadores de repente que se apresentavam nas festas do engenho. “Hoje minha felicidade é escrever poemas. Minha produção maior começou depois do primeiro livro porque era tudo muito disperso, apesar de eu escrever desde os 12 anos de idade. Forte mesmo ficou dos 70 anos para cá. Guardava os poemas em papeis soltos e na cabeça pois eu decorava. Quando escrevo os versos, saem de uma vez. Não tem hora certa. A inspiração vem sem ser programada”, afirmou durante uma de suas entrevistas para a produção do livro.     

    20º Edição da Revista de Literatura Novo Horizonte

    A Revista de Literatura Novo Horizonte chegou a 20º edição. O lançamento foi na Biblioteca Pública do Estado de Pernambuco, no dia 27 de dezembro de 2019. A revista é editada pela escritora Lourdes Nicácio e pela jornalista Raphaela Nicácio. Participaram da edição os contistas, poetas, críticos, historiadores, pesquisadores, jornalistas, mestres, além dos novos autores: Aglaura Catão, Alberto Valença, Alzira Paiva, Ângelo Monteiro, Antonia Campos, Antonio Filho Neto, Ariadne Quintella, Carlos Aberto Jales, Ciro Rickli, Cyl Gallindo, Dirceu Rabelo, Djanira Silva, Eduardo Gomes, Eliane Duarte, Elvira Oliveira, Fernando Farias Farias, Fernando Tavares, Florinda Nascimento,Geraldo Ferraz, Glória Albuquerque, Graças Silva, Gutemberg Liberato, Ivanilde Morais de Gusmão, Jacira Barros,Josinaldo Maria da Costa, Leny Amorim, Letícia Quintella, Lourdes Nicácio, Lourdes Sarmento, Lúcia Chiappetta, Lúcia Regina, Lúcia Cardoso, Lúcio Ferreira, Marcos Carneiro, Maria do Céu, Maria Nilza, Melchiades Montenegro, Murilo Crespo, Nelson Bradão, Olimpio Bonald Neto, Paulino Fernandes, Petrúcia Camelo, Rachel Carrilho, Rebeka Santos, Ricardo Alfaya, Rosa Lia Dinelli, Socorro Costa, Stephen Beltrão, Telma Brilhante, Turmalina Da Rocha Teles, Valdene Duarte Fonseca, Waldemar Lopes, Zelia Monte Bezerra.

    Dra. Sandra Sayão lança “Tive câncer. E daí?”

    Na sede da Academia Pernambucana de Letras, no dia 14 de setembro de 2019, foi lançado o livro “Tive câncer. E daí?” pelas Edições Novo Horizonte de autoria da cirurgiã-dentista e docente universitária, Dra. Sandra Sayão. O dinheiro arrecadado com a obra foi destinado às entidades que dão apoio às mulheres em tratamento, no Estado de Pernambuco. Sandra Maria Alves Sayão Maia, nasceu e vive no Recife. Insatisfeita com o tratamento preconceituoso, estigmatizado e excludente dado às mulheres acometidas pelo câncer de mama registrou as experiências pessoais e de amigas que se dispuseram a relatar seus temores, suas dores, suas descobertas, seus desejos.

    Além do relato dela, há depoimentos de outras mulheres que enfrentaram a doença: Fernanda Braga Maranhão (advogada e Procuradora do Estado de Pernambuco); Priscila Prosini (Cirurgiã-dentista, doutora em odontologia); Joseli Torres (professora, Ouvidora e fotógrafa); Sílvia Portela (Cirurgiã-dentista); Maria Carolina Ferreira Von Sohsten (Aposentada). Tais mulheres reportam os sentimentos vividos desde o diagnóstico até os cuidados para controlar a doença e a soma de tudo é uma descrição objetiva, profundamente catártica e em alguns momentos bem-humorada, que visa ajudar outras mulheres a suportar, aceitar, entender e seguir a vida com sua nova condição.

    Maria do Céu Vasconcelos lança “Pinças de Cristal”

    No dia 23 de abril de 2019, a escritora Maria do Céu de Ataíde Vasconcelos lançou seu livro de poemas “Pinças de Cristal” pelas Edições Novo Horizonte. Maria do Céu é advogada, membro da UBT – União Brasileira de Trovadores e do Instituto Histórico de Olinda, da Academia Recifense de Letras (sócia fundadora), da Academia de Ciências, Artes e Letras de Olinda (sócia fundadora) e sócia colaboradora da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores (SOBRAMES) – Regional de Pernambuco. Na condição de poetisa, participou de alguns eventos culturais na Áustria (Neudorff), Tcheco-Eslováquia (Bratislava) e Itália (Catânia). Em Vitória, Espírito Santo, teve participação efetiva nos Seminários Nacionais de Trova, promovidos pela UBT nos anos de 1985, 1986 e 1990.

    Relançamento de obras no município de Belém do São Francisco-PE

    Foram relançadas obras produzidas pelas Edições Novo Horizonte, no dia 30 de setembro de 2019, na Biblioteca Municipal de Belém do São Francisco-PE. As obras da escritora e professora, Lourdes Nicácio: “Caminho das águas ao sol”, “Sobreviventes”, “O Rio Canabrava e os Homens”, “Os dois mundos de Madalena”; e o livro infantojuvenil da jornalista Raphaela Nicácio: “Seu Joaquim e Dona Maria – Os famosos contadores de histórias do Vale do São Francisco”. O evento, coordenado pela professora Márcia Matos, contou com a presença do prefeito do município, prof. Licínio Lustosa e teve apresentação especial do poeta João DiCarvalho; depoimentos e entrevistas dos alunos do CESVASF – Centro de Ensino Superior do Vale do São Francisco.

    Assessoria de Imprensa

    A escritora Ivanilde Gusmão é entrevistada na Rádio Folha.
    Matéria especial no Jornal Diario de Pernambuco.

    A escritora e professora, Ivanilde Morais de Gusmão, contratou o serviço de assessoria de imprensa especializada para o lançamento do seu livro “Ser Social – Trabalho e Mercadoria” realizado no dia 13 de dezembro de 2019, no auditório da Livraria Jaqueira, Recife-PE. Ivanilde é membro da Academia de Letras do Brasil (ALB) e da Associação de Letras & Artes (LETRART). Graduada em Direito e em Geografia pela Unicap; mestre em Desenvolvimento Urbano e Regional pela UFPE e doutora em Ciências Sociais pela Pontífica Universidade  Católica de São Paulo. É professora aposentada da Universidade Federal de Alagoas – UFAL.